Portugueses são quem menos fez compras online em 2020

Os portugueses são quem menos fez compras através da Internet em 2020 (50,8%), muito abaixo da média da União Europeia (UE 70,9%), segundo um inquérito sobre comportamentos de consumo durante a pandemia da covid-19, hoje divulgado pela Comissão Europeia.

Portugueses são quem menos fez compras online em 2020

Portugueses são quem menos fez compras online em 2020

Os portugueses são quem menos fez compras através da Internet em 2020 (50,8%), muito abaixo da média da União Europeia (UE 70,9%), segundo um inquérito sobre comportamentos de consumo durante a pandemia da covid-19, hoje divulgado pela Comissão Europeia.

Os portugueses são quem menos fez compras através da Internet em 2020 (50,8%), muito abaixo da média da União Europeia (UE 70,9%), segundo um inquérito sobre comportamentos de consumo durante a pandemia da covid-19, hoje divulgado pela Comissão Europeia.

De acordo com o inquérito, Portugal apresenta a menor percentagem de compras feitas pela Internet (50,8%), numa tabela dominada pela República Checa (93,1%), seguindo-se a Eslováquia (91,0%) e a Suécia (81,2%), sendo a média da UE de 70,9%.

Os portugueses estão ainda entre os consumidores que, em 2020, menos confiança tiveram em fazer compras ‘online’ quer no país (43,5%), quer noutro Estado-membro (34,7%), apenas ultrapassados pelos cipriotas: 40,2% e 34,1%, respetivamente.

As médias da UE são de 63,0% de consumidores que fazem compras ‘online’ no seu país com confiança e 42,7% que adquirem noutro Estado-membro.

Por outro lado, mais de oito em cada dez portugueses (84,6%) não consideram a hipótese de fazer planos para viajar até a situação normalizar no país (UE 79,1%), numa lista liderada pela Irlanda (89,0%), seguida por Chipre (88,2%) e Espanha (86,9%), estando no outro extremo da tabela a Polónia (72,7%), França (73,2%) e Itália (74,6%).

O inquérito mostra ainda que quase metade dos portugueses (47%) estão preocupados com a capacidade de conseguirem pagar as contas no mês seguinte (UE 37,9%), sendo os dinamarqueses quem menos preocupação revelam com as constas mensais (13,3%) e os gregos mais (71,2%).

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.630.768 mortos no mundo, resultantes de mais de 118,5 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal morreram 16.635 pessoas dos 812.575 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

LEIA AINDA
Covid-19: Ordem denuncia represálias contra farmacêutico que questionou vacinação no INEM
Ambulância atropela mortalmente casal que fazia caminhada
Maria Carvalho e o companheiro, Camilo Teixeira, realizavam mais uma caminhada, como era já rotina, quando foram brutalmente atropelados, em Santa Maria da Feira, por uma ambulância de transporte de doentes não urgentes. (… continue a ler aqui)

 

Impala Instagram


RELACIONADOS