Portugal na presidência do Comité para a Perspetiva de Género da NATO

A presidência do Comité para a Perspetiva de Género da NATO vai ser ocupada, pela primeira vez em 43 anos, por Portugal, após a major Diana Morais ter sido hoje eleita por unanimidade para o cargo.

Portugal na presidência do Comité para a Perspetiva de Género da NATO

Portugal na presidência do Comité para a Perspetiva de Género da NATO

A presidência do Comité para a Perspetiva de Género da NATO vai ser ocupada, pela primeira vez em 43 anos, por Portugal, após a major Diana Morais ter sido hoje eleita por unanimidade para o cargo.

“Esta eleição histórica reveste-se de especial simbolismo por ser reconhecido o mérito de Portugal e da oficial, em particular. Acredito que a major Diana Morais possa ser uma fonte de inspiração para aquelas que pensam na possibilidade de uma carreira militar”, assinala o ministro da Defesa, citado em comunicado.

Nos próximos dois anos, Portugal e Holanda irão copresidir o Comité Executivo e em 2021, a major Diana Morais ocupará o cargo da atual Presidente, a Tenente-Coronel Corine Van Nieuwburg-Hofte.

O Comité para a Perspetiva de Género, criado em 1976, é um dos mais antigos da NATO. Este órgão de aconselhamento do Comité Militar em assuntos de género para as Forças Armadas da Aliança promove a integração das perspetivas de género nas operações militares e a implementação de resoluções das Nações Unidas relevantes nesta área.

LIL // JPS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS