União Europeia dá 191 milhões para inovação, incluindo seis projetos com participação portuguesa

O Conselho Europeu de Inovação atribuiu 191 milhões de euros a 58 projetos de inovação, seis dos quais têm participação portuguesa em áreas que vão da eficiência energética à medicina.

União Europeia dá 191 milhões para inovação, incluindo seis projetos com participação portuguesa

União Europeia dá 191 milhões para inovação, incluindo seis projetos com participação portuguesa

O Conselho Europeu de Inovação atribuiu 191 milhões de euros a 58 projetos de inovação, seis dos quais têm participação portuguesa em áreas que vão da eficiência energética à medicina.

A iniciativa Pathfinder, financiada pelo programa de inovação europeu Horizonte 2020 teve este ano a maior dotação de sempre e um número recorde de candidaturas (902), afirma a representação em Portugal da Comissão Europeia num comunicado.

“Entre as ideias apoiadas nesta ronda contam-se um conceito radicalmente novo para a conversão de calor residual em eletricidade e outro de robôs comestíveis e alimentos robotizados que podem proporcionar nutrição vital a humanos e animais em situações de emergência”, destaca.

Dos 58 projetos apoiados, seis têm parcerias com entidades portuguesas: Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia de Braga, as empresas Rubynanomed, também de Braga, a empresa 4YEC, Universidade de Aveiro, Instituto Superior Técnico e a empresa de Aveiro JFCC- Biosolutions.

A maior parte dos projetos apoiados vem de Alemanha, Itália, Espanha, França e Suíça. Quase um terço são liderados por mulheres investigadoras e um quarto considera-se alinhado com os objetivos do Pacto Ecológico Europeu.

APN // ZO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS