Tufão Mangkhut deixa pelo menos 81 mortos e 70 desaparecidos nas Filipinas

Tufão Mangkhut deixa pelo menos 81 mortos e 70 desaparecidos nas Filipinas

As autoridades filipinas elevaram para 81 o número de mortos e para 70 os desaparecidos na sequência do tufão Mangkhut no norte do país, onde as equipas continuam as operações de resgate.

De acordo com as últimas informações da Polícia Nacional, o maior tufão da temporada deixou também 71 feridos na sua passagem pelo norte da ilha de Luzon, no extremo norte do país.

O número de afetados nas Filipinas já ultrapassa um milhão, de acordo com as últimas informações do Centro Nacional de Redução de Desastres. Entre as 150.000 pessoas que tiveram de ser retiradas, 60.000 ainda se encontram em centros de abrigo.

As autoridades estimam que a maioria terá que permanecer pelo menos mais três semanas nestes abrigos, onde as condições de higiene, saneamento e água potável são cada vez mais precárias, segundo a Cruz Vermelha.

“Nesta primeira intervenção, a nossa prioridade é garantir água e saneamento à população afetada, e depois logo nos concentraremos na segurança económica das famílias”, disse à agência Efe o chefe da delegação da Cruz Vermelha nas Filipinas, Luis Carrasco.

Depois da devastadora passagem pelas Filipinas, o tufão seguiu para a China, afetando sobretudo a província de Guangdong, no sul, onde pelo menos quatro pessoas morreram e 2,5 milhões tiveram de ser realojadas, de acordo com a comunicação social estatal.

A região administrativa de Macau também foi afetada pelo tufão, com registo de 40 feridos, segundo o último balanço oficial.

No domingo, o sinal 10 de tempestade tropical, o máximo de uma escala com 1, 3, 8 e 9, esteve em vigor durante nove horas naquele território, o mais longo período registado desde 1968.

FST (SBR/JMC) // JPS

By Impala News / Lusa

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Tufão Mangkhut deixa pelo menos 81 mortos e 70 desaparecidos nas Filipinas

As autoridades filipinas elevaram para 81 o número de mortos e para 70 os desaparecidos na sequência do tufão Mangkhut no norte do país, onde as equipas continuam as operações de resgate.