Tiroteio em mesquita na Noruega tratado como “tentativa de ataque terrorista”

Tiroteio em mesquita nos arredores de Oslo está a ser tratado como “tentativa de ataque terrorista, depois de a polícia perceber que o autor “do ataque tinha opiniões extremistas”.

Tiroteio em mesquita na Noruega tratado como

Tiroteio em mesquita na Noruega tratado como “tentativa de ataque terrorista”

Tiroteio em mesquita nos arredores de Oslo está a ser tratado como “tentativa de ataque terrorista, depois de a polícia perceber que o autor “do ataque tinha opiniões extremistas”.

Tiroteio em mesquita na Noruega está a ser tratado como “tentativa de ataque terrorista, depois de a polícia perceber que o autor “do ataque tinha opiniões extremistas”, declarou numa conferência de imprensa um responsável da polícia de Oslo, Rune Skjold, a propósito do suspeito, um jovem norueguês com “pouco mais de 20 anos” e residente em Baerum, adiantando: “Ele tinha posições xenófobas, queria espalhar o terror”. “Concluímos que estamos a lidar com uma tentativa de ação terrorista”, disse ainda. O ataque contra o centro islâmico al-Nour em Baerum, cidade dos subúrbios de Oslo, causou um ferido ligeiro e a polícia anunciou a detenção de um suspeito.

LEIA DEPOIS
Governo avança com requisição civil se motoristas não honrarem a sua palavra

Tiroteio feriu um polícia

Durante o ataque à mesquita, o homem que está agora investigado por ter opiniões extremistas, levando a crer que foi um ataque terrorista feriu um dos polícias no local. “Um dos nossos foi atingido por balas por um homem branco com um capacete e uniforme”, declarou o responsável da mesquita, Irfan Mushtaq, no sábado, ao jornal local Budstikka. Mushtaq precisou depois ao canal TV2 que o homem tinha várias armas. O responsável da mesquita afirmou igualmente que apenas três fiéis se encontravam no local de culto na altura do ataque e que um deles dominou o atacante. Várias horas depois do ataque, a polícia descobriu o corpo de uma jovem, parente do suspeito, em sua casa, o que levou à abertura de um inquérito por assassínio. Ouvido durante a noite pelos investigadores, o suspeito recusou explicar-se.

 

LEIA MAIS
Tufão Lekima faz pelo menos 28 mortos e vários desaparecidos à passagem pela China
Dez praias fluviais irresistíveis de Norte a Sul de Portugal

Impala Instagram


RELACIONADOS