Terceiro juiz assassinado num mês no Afeganistão

Um juiz foi hoje morto a tiro numa emboscada em Jalalabad (leste), indicou uma fonte policial, tornando-se o terceiro magistrado assassinado em menos de um mês no Afeganistão.

Terceiro juiz assassinado num mês no Afeganistão

Terceiro juiz assassinado num mês no Afeganistão

Um juiz foi hoje morto a tiro numa emboscada em Jalalabad (leste), indicou uma fonte policial, tornando-se o terceiro magistrado assassinado em menos de um mês no Afeganistão.

Ao início da manhã, “homens armados mataram a tiro um juiz do tribunal de apelação na cidade de Jalalabad”, disse à agência France-Presse Farid Khan, porta-voz da polícia da província de Nangarhar, da qual Jalalabad é a capital.

O juiz Hafizullah (que usava apenas um nome como numerosos afegãos) dirigia-se para o seu escritório de tuk-tuk quando foi assassinado, precisou.

Duas juízas do Supremo Tribunal foram mortas a tiro em Cabul a 17 de janeiro.

Os assassinos dirigidos de jornalistas, juízes, médicos, personalidades políticas ou religiosas e ativistas tornaram-se mais frequentes nos últimos meses no Afeganistão.

O aumento da violência ocorre apesar da abertura em setembro no Qatar de negociações de paz entre o governo afegão e os talibãs para acabar com duas décadas de guerra.

A situação levou a administração norte-americana de Joe Biden a anunciar uma revisão do acordo assinado em fevereiro de 2020 em Doha com os talibãs, que prevê a retirada total das tropas norte-americanas do Afeganistão até maio.

 

PAL // FPA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS