Stella Paris, a radiologista que trocou carreira médica pelo OnlyFans

A vida de Stella Paris dava um filme. Começou por trabalhar como radiologista, namorou – sem saber – com um homicida procurado e atualmente faz muito dinheiro com o OnlyFans.

Stella Paris, a radiologista que trocou carreira médica pelo OnlyFans

A vida de Stella Paris dava um filme. Começou por trabalhar como radiologista, namorou – sem saber – com um homicida procurado e atualmente faz muito dinheiro com o OnlyFans.

Stella Paris estava a construir uma carreira na área da medicina, como radiologista, quando resolveu largar tudo e investir numa carreira como dançarina — e, depois, partiu para o OnlyFans. Durante o período em que estava no auge, namorou e morou com um homicida procurado pela polícia por ter torturado um homem até a morte. Aos 35 anos, revela que começou a dançar em clubes de strip quando ainda trabalhava como radiologista e alguns colegas começaram a apelidá-la de “vadia” nas redes sociais.

A partir daí, o responsável do hospital onde trabalhava deixou-lhe um ultimato: tinha de escolher entre o hospital e a dança. “Não tenho qualquer arrependimento. Se não fizesse o que fiz, não sei onde estaria agora, porque a minha vida mudou completamente.” Conta que, depois de um mês a trabalhar em clubes de strip, a sua vida mudou, e conseguiu liquidar as dívidas que tinha. Porém, as coisas mudaram quando Stella conheceu Christopher Guest More, em 2012. Nove anos antes, ele e mais quatro homens torturaram e mataram um homem à frente dos filhos da vítima.

Namorado foi condenado a prisão perpétua

“Isso afetou muito a minha vida”, conta Stella, que o conheceu quando tinha 26 anos. “[Estar com ele] fez com que não confiasse mais nas pessoas. Lembro-me de uma manhã em que ele me pediu para fazer ovos cozidos para ele. Um ficou mais mole e ele atirou-me com o ovo.” A atitude violenta foi o que a fez querer deixá-lo. Mas, quando tentou ir embora, foi impedida com recurso à força física. Christopher, que usava um nome falso, foi detido em 2019, e condenado a prisão perpétua. Hoje, a musa ganha a vida com a conta no OnlyFans “Tenho alguns clientes regulares e sei os nomes, de onde eles são, o que gostam de fazer e ouvir”, explicou. “As idades variam […] e o que mais gosto de fazer usar fantasias diferentes.”

Marie Dee, a influencer que foi afastada do emprego por ter peito grande
Marie Dee, uma influencer norte-americana revelou ter sido mandada para casa no emprego por culpa roupa que estava a vestir, considerada provocadora por uma funcionária dos Recursos Humanos. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS