Sequestra e viola vizinha em Cascais por quem estava obcecado

Suspeito de sequestrar e violar vizinha, me Cascais, tem cadastro por tráfico de drogas. Foi detido pela Polícia Judiciárias, mas acabou libertado pelo tribunal.

Sequestra e viola vizinha em Cascais por quem estava obcecado

Sequestra e viola vizinha em Cascais por quem estava obcecado

Suspeito de sequestrar e violar vizinha, me Cascais, tem cadastro por tráfico de drogas. Foi detido pela Polícia Judiciárias, mas acabou libertado pelo tribunal.

Um homem de 39 anos,obcecado por uma vizinha de 41 anos, em Cascais, sequestrou e violou-a. Foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) de Lisboa, mas acabou por ser libertado pelo tribunal. O crime foi cometido na madrugada de 16 de julho e vítima e agressor apenas mantinham uma relação de vizinhança.

LEIA DEPOIS
Ex-capa da Playboy portuguesa detida no Brasil

Dois meses de espera e vigilância em bairro de Cascais

Após dois meses de espera e vigilância à mulher, o homem decidiu violá-la. Enquanto a vítima dormia, conseguiu entrar na casa sem que ela se apercebesse e, armado com uma arma branca, ameaçou a vítima. Manteve-a imobilizada no quarto e violou-a, mantendo-a sequestrada por várias horas. Aproveitando uma distração do homem, a vítima fugiu e pediu socorro aos vizinhos, que chamaram Polícia.

Violador com cadastro acaba libertado pelo tribunal

O suspeito está indiciado por crimes de violação, sequestro, coação agravada, violação de domicílio qualificada e perseguição. «Em resultado da violação, cometida com recurso a arma branca e sob ameaça grave, a vítima sofreu graves danos psicológicos, carecendo de acompanhamento especializado», de acordo com informação da PJ. O tribunal libertou o homem – com cadastro por tráfico de droga –, que está obrigado a apresentar-se diariamente às autoridades e fica proibido de contactar vítima e testemunhas.

Imagem ilustrativa Unsplash

LEIA AGORA
Cinco agentes da PSP filmados em Carcavelos a agredirem jovem de 20 anos

Impala Instagram


RELACIONADOS