Sem-abrigo encontra carteira no lixo com 300 euros e devolve-a

Sem-abrigo encontra carteira no lixo com 300 euros e devolve-a

Abdelfarid Nouami é sem-abrigo e encontrou uma carteira no lixo com 300 euros e um bilhete de lotaria. O homem devolveu-a ao proprietário, e este viu que não faltava nem um euro.

Abdelfarid Nouami faz das ruas da Avenida da estação de Almería, na Andaluzia, sua casa. É sem-abrigo e procura muitas vezes no lixo coisas que possam satisfazer as suas necessidades. Foi numa dessas ocasiões que encontrou uma carteira com 300 euros, um cartão de crédito do Banesto, os documentos de identificação do proprietário e um bilhete de lotaria.

O que fez depois, tornou-o notícia. O homem de 49 anos devolveu a carteira ao dono que conferiu e viu que não faltava nada.

«Estava à procura de coisas nos contentores do lixo. Quando cheguei ao albergue, ao revistar a roupa encontrei a carteira com documentação pelo meio. Não podia ficar com ela, o dinheiro não era meu», afirma numa entrevista à rádio espanhola Cadena Ser.

Abdelfarid Nouami entregou a carteira na polícia, onde explicou o que se passou. As autoridades conseguiram chegar ao proprietário que confirmou que não faltava nada na carteira. O homem acabou por receber uma gratificação, que não foi revelada, pelo seu gesto.

Nouami é marroquino, tem documentos e diz que só quer trabalhar. Já trabalhou nas estufas de La Puebla de Vícar, na mesma província. Nos últimos tempo, tem tido dificuldade em encontrar trabalho. «Não quero fazer coisas más, porque depois voltam-se contra mim», conta.

O homem dormiu na rua durante cinco meses. Agora encontra-se no centro municipal de acolhimento de Almería.

LEIA MAIS
Cataplana de peixe de António Costa dá a melhor audiência de sempre a Cristina Ferreira
Previsão do tempo para quinta-feira

 

 

 

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Sem-abrigo encontra carteira no lixo com 300 euros e devolve-a

Abdelfarid Nouami é sem-abrigo e encontrou uma carteira no lixo com 300 euros e um bilhete de lotaria. O homem devolveu-a ao proprietário, e este viu que não faltava nem um euro.