Rússia diz que reparações na ponte da Crimeia devem durar até julho

A Rússia anunciou hoje que as reparações na ponte da Crimeia, parcialmente destruída durante uma explosão no sábado que Moscovo atribui a Kiev, devem estar terminadas em 01 de julho de 2023.

Rússia diz que reparações na ponte da Crimeia devem durar até julho

Rússia diz que reparações na ponte da Crimeia devem durar até julho

A Rússia anunciou hoje que as reparações na ponte da Crimeia, parcialmente destruída durante uma explosão no sábado que Moscovo atribui a Kiev, devem estar terminadas em 01 de julho de 2023.

O Governo “determina o prazo para o término dos contratos estatais para a execução das obras em 01 de julho de 2023”, segundo uma ordem assinada pelo primeiro-ministro russo, Mikhail Mishustin.

A ponte da Crimeia, símbolo da anexação da península ucraniana de mesmo nome e crucial para o abastecimento de tropas russas deslocadas na Ucrânia, foi parcialmente destruída por um ataque com um camião armadilhado, segundo Moscovo.

Os serviços de segurança russos (FSB) alegaram que este “ataque terrorista” foi organizado pelo serviço de informação militar ucraniana, assegurando que um agente de Kiev coordenou o trânsito de explosivos por vários países e esteve em contacto com vários intermediários.

Em resposta, a Rússia realizou bombardeamentos maciços em toda a Ucrânia na segunda-feira e terça-feira, incluindo a infraestrutura de energia civil que causou cortes generalizados de energia e água.

Na quarta-feira, o FSB disse que deteve oito pessoas – cinco russos e “três cidadãos ucranianos e arménios” – suspeitos de envolvimento no ataque.

No entanto, o tráfego rodoviário e ferroviário já foi parcialmente retomado na ponte.

CSR//APN

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS