Responsáveis por transportar imigrantes num barco que entrou em Maiorca ficam presos

Os dois homens responsáveis pelo transporte num pequeno barco de 15 imigrantes que, na quarta-feira, chegaram a Palma de Maiorca, em Espanha, foram presos por organização criminosa e favorecimento à imigração ilegal.

Responsáveis por transportar imigrantes num barco que entrou em Maiorca ficam presos

Responsáveis por transportar imigrantes num barco que entrou em Maiorca ficam presos

Os dois homens responsáveis pelo transporte num pequeno barco de 15 imigrantes que, na quarta-feira, chegaram a Palma de Maiorca, em Espanha, foram presos por organização criminosa e favorecimento à imigração ilegal.

Em comunicado, a polícia revela que os detidos, com 19 e 27 anos e de nacionalidade argelina, foram presentes a tribunal no sábado, tendo ficado em prisão preventiva.

A força policial revela que estes já haviam sido detidos numa outra ocasião por entrarem ilegalmente em Espanha.

Um deles, acrescentou, havia igualmente já sido detido por arrombamento e ocupação de propriedade, em 2021.

O barco, vindo da Argélia, chegou a Maiorca na quarta-feira, por volta das 13:00, tendo os seus ocupantes sido resgatados no meio do mar pelo resgate marítimo e guardia civil.

Já na esquadra, os agentes iniciaram os processos de devolução por entrada ilegal em território nacional e identificaram os dois responsáveis.

O barco, que tinha apenas um motor, não tinha coletes salva-vidas e avariou várias vezes em alto mar ficando, posteriormente, à deriva.

A polícia salientou que estas viagens “perigosas colocam em sério risco a vida das pessoas que correm o risco de participar nestas”.

Os membros dessas organizações dividem as suas funções entre recrutadores de clientes e proprietários de barcos.

Os migrantes pagam, regra geral, entre 700 e 1.000 euros pela viagem, valor que pode aumentar mediante o tipo de barco.

Até ao momento, foram detetados 105 barcos com 1.520 pessoas na chegada à costa das Baleares, segundo uma contagem da agência Efe.

Já em 2021, foram 164 barcos com 2.402 migrantes intercetados na chegada ao arquipélago, reforçou.

SVF // ACL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS