PSP detém 13 pessoas por tráfico no Algarve e em Lisboa

A PSP de Portimão deteve na segunda-feira 11 homens e duas mulheres, entre os 21 e os 66 anos, e constituiu como arguidas mais 14 pessoas indiciadas por tráfico de droga e posse de arma proibida, foi hoje divulgado.

PSP detém 13 pessoas por tráfico no Algarve e em Lisboa

PSP detém 13 pessoas por tráfico no Algarve e em Lisboa

A PSP de Portimão deteve na segunda-feira 11 homens e duas mulheres, entre os 21 e os 66 anos, e constituiu como arguidas mais 14 pessoas indiciadas por tráfico de droga e posse de arma proibida, foi hoje divulgado.

Em comunicado, o comando de Faro da PSP adianta que as detenções [por tráfico de droga] sucederam na sequência de uma investigação desenvolvida ao longo do último ano, “numa operação que durou cerca de 20 horas e em que foram cumpridos 32 mandados de busca nos concelhos de Portimão, Lagos e Olhão e na Área Metropolitana de Lisboa”, incluindo 25 mandados de busca domiciliária.

“Foram carreados diversos elementos de prova que sustentam que os suspeitos se dedicam à prática desta tipologia criminal de forma reiterada, especialmente na modalidade de venda direta ao consumidor, incluindo a venda em contexto de atividade de diversão noturna e aquando da realização de festivais, na zona do Algarve”, lê-se na nota.

Detidos por tráfico presentes a tribunal ainda hoje

Segundo a PSP, foram apreendidos mais de quatro quilos de droga: 6.775 doses de ‘ecstasy’, 5.868 doses de haxixe, 1.809 doses de cocaína, 512 doses de liamba e 425 doses de heroína, assim como material de pesagem, acondicionamento e corte de droga, mais de 28 mil euros, quatro armas de fogo e 185 munições. A investigação foi desenvolvida pela esquadra de investigação criminal de Portimão em conjunto com a brigada de investigação criminal da PSP de Lagos, sob a direção do Ministério Público de Portimão.

A operação decorreu com o apoio das diferentes valências da PSP, nomeadamente da estrutura de investigação criminal do Comando Distrital de Faro, Equipas de Intervenção Rápida, Corpo de Intervenção da Unidade Especial de Polícia e Comando Metropolitano de Lisboa, contou também com a colaboração do Comando Territorial de Faro da GNR. Os detidos serão agora presentes a tribunal, “previsivelmente durante o dia de hoje”, para aplicação de eventuais medidas de coação, conclui a PSP.

Impala Instagram


RELACIONADOS