Portugal tem tantas moedas de 2 euros que até já as exporta

Portugal tem tantas moedas de 2 euros que já as exporta para a Irlanda e Eslováquia. Em dois anos, já foram trocadas 300 milhões de moedas.

Portugal tem tantas moedas de 2 euros que até já as exporta

Portugal tem tantas moedas de 2 euros que até já as exporta

Portugal tem tantas moedas de 2 euros que já as exporta para a Irlanda e Eslováquia. Em dois anos, já foram trocadas 300 milhões de moedas.

O euro foi introduzido em Portugal em 2002. A última vez que o Banco de Portugal fez a encomenda de novas moedas de dois euros à Imprensa Nacional Casa da Moeda (INCM) foi em 2006. Isto porque existe uma quantidade excessiva de moedas de 2 euros em Portugal, e que tem vindo a acumular na última década.

Este aumento é explicado em dois fatores. Os portugueses reduziram o uso de moedas de dois euros durante a realização de pagamentos. E houve também uma «forte migração» destas moedas para Portugal, nomeadamente por via do turismo. Esta conclusão é apresentada no boletim anual divulgado pelo Banco de Portugal.

LEIA MAIS: Nova SBE chega a Carcavelos e preços das casas disparam

Há mais de uma década que continua a haver excedentes da moeda em circulação em Portugal. Ao Banco de Portugal continuam assim a regressar estas moedas «numa quantidade significativamente superior à colocada em circulação», lê-se no boletim.

Moedas de 2 euros, em Portugal, são as que apresentam mais face estrangeira

Por outro lado, as moedas de 2 euros em circulação no País são as que apresentam mais face «estrangeira». No ano passado, das 2400 moedas em circulação, analisadas pelo Banco de Portugal, só 10,6% tinham face «nacional». Os restantes 89,4% tinham face «estrangeira», e vinham sobretudo da Alemanha, Espanha e França.

Para equilibrar as existências, o Banco de Portugal não só deixou de fazer novas encomendas de moedas de 2 euros, como recorreu nos últimos anos a acordos com bancos homólogos para a troca de moedas. Portugal tornou-se então «exportador» de moedas de 2 euros para a Irlanda e para a Eslováquia. Nos últimos meses, movimentaram-se milhões de moedas entre os três países.

Trocas de moedas com a Irlanda e Eslováquia

Portugal realizou a troca de moedas de 2 euros por moedas de 1 e 2 cêntimos que existiam em excesso na Irlanda. Desta forma, Portugal «livrou-se» de moedas para as quais não havia procura e evitou a encomenda nos próximos anos da produção de moedas de 1 e 2 cêntimos.

Com a Eslováquia, Portugal trocou moedas de 2 euros por moedas de 1 euro. Assim, também adiou a produção desta denominação em território nacional. Nas duas operações foram movimentadas um total de 304 milhões de moedas: 274 milhões de moedas no caso da troca com a Irlanda por 1 e 2 cêntimos; 30 milhões no caso da troca com a Eslováquia por moedas de 1 euro.

LEIA MAIS: Portuguesa drogou filha que escondeu na mala do carro durante dois anos

Texto: Redação WIN - Conteúdos Digitais

Impala Instagram


RELACIONADOS