Polícia japonesa detém suspeito de ataque com ácido em Tóquio

A polícia japonesa deteve o alegado autor de um ataque com ácido sulfúrico que ocorreu numa estação do metropolitano de Tóquio, na terça-feira, e do qual resultaram dois feridos.

Polícia japonesa detém suspeito de ataque com ácido em Tóquio

Polícia japonesa detém suspeito de ataque com ácido em Tóquio

A polícia japonesa deteve o alegado autor de um ataque com ácido sulfúrico que ocorreu numa estação do metropolitano de Tóquio, na terça-feira, e do qual resultaram dois feridos.

A polícia japonesa deteve o alegado autor de um ataque com ácido sulfúrico que ocorreu numa estação do metropolitano de Tóquio, nesta terça-feira, e do qual resultaram dois feridos,. O suspeito tem 25 anos e foi detido nas ilhas Okinawa, segundo noticia a imprensa local. O ataque foi registado na estação de metro de Shirokane-Takanawa, no centro de Tóquio, tendo ocorrido no mesmo dia da abertura dos Jogos Paralímpicos Tóquio2020 e causado ferimentos num homem de 22 anos e numa mulher de 34.

Vítima e agressor conheciam-se

O homem foi atacado diretamente com o ácido e sofreu queimaduras graves no rosto e no ombro. A outra vítima sofreu queimaduras leves nas pernas, depois de ter escorregado e caído no líquido. De acordo com a polícia, o suspeito conhecia o homem e terá sido filmado por câmaras de segurança, localizadas perto do escritório da vítima.

Vestido de preto, com boné e máscara, o atacante fugiu do local após o sucedido e voltou para sua casa, na cidade de Shizuoka. Após a visualização das imagens, a polícia seguiu os passos do sujeito, até o encontrar no sul do país. O ataque ocorreu por volta das 21h00. No início de agosto, enquanto decorriam os Jogos Olímpicos, um ataque com faca num comboio suburbano de Tóquio causou dez feridos. O atacante, um japonês com cerca de 30 anos, foi rapidamente detido.

LEIA AINDA
Vítimas de ataque cardíaco podem vir a ser tratadas com veneno mortal de aranha australiana
Vítimas de ataque cardíaco podem vir a ser tratadas com veneno mortal de aranha australiana
Cientistas australianos descobriram um tratamento que pode vir a salvar vítimas de ataque cardíaco à base do veneno de uma das aranhas mais mortais do mundo. (… continue a ler aqui)

 

Impala Instagram


RELACIONADOS