Polícia invade casa para resgatar criança com febre alta [vídeo]

Agentes da polícia americana entraram à força em casa de um casal para levar uma criança com 41 graus de febre ao hospital. Os pais recusavam fazê-lo.

Polícia invade casa para resgatar criança com febre alta [vídeo]

Polícia invade casa para resgatar criança com febre alta [vídeo]

Agentes da polícia americana entraram à força em casa de um casal para levar uma criança com 41 graus de febre ao hospital. Os pais recusavam fazê-lo.

Dois agentes da polícia do Arizona, nos EUA, invadiram uma casa para resgatar uma criança febril. Os pais tinham sido aconselhados pelo pediatra a levaram o menino às urgências, por estar com 41 graus. Contudo, os progenitores recusaram e o médico acabou por contactar as autoridades. O especialista alertou também para as vacinas em falta, o que é considerado crime nos EUA. Os agentes aguardaram um mandado de busca para entrar à força na habitação da família, o que acabou por acontecer depois de uma primeira tentativa falhada.

Advogado da família critica excesso de força utilizado pela polícia

Segundo o canal de televisão Fox News, o advogado da família criticou o excesso de força utilizado, referindo que devia ser «reservada para criminosos violentos». «Estamos a falar de uma simples febre, o que torna tudo isto completamente ridículo», sublinhou.
Segundo a comunicação social americana, os pais da criança ter-se-ão recusado a levá-la às urgências por causa da falta das vacinas obrigatórias. «Iriam ser acusados de crime de negligência e poia, até, perder a guarda do filho. Foi por medo que não foram e não por serem irresponsáveis», explicou o advogado.

Casal acusado de negligência e menor entregue à guarda dos avós

O casal foi formalmente acusado de negligência e o menor foi entregue à guarda dos avós maternos. A vacinação obrigatória nos EUA tem estado no centro de várias polémicas, pois doenças já consideradas extintas estão de novo a afetar as crianças, cujos pais recusam aplicar a medida de prevenção. Surtos de doenças como sarampo ou coqueluche (tosse convulsa) estão a ressurgir com força nos EUA. O ano passado, foram registados mais de 24 mil casos de coqueluche no país, segundo dados preliminares do Centers for Disease Control and Prevention, ligado ao Departamento de Saúde dos EUA.

LEIA MAIS

Lutador de MMA morre após violento knockout [vídeo]

Pais ensinam filha a caminhar no parapeito de varanda [vídeo]

Homem detido por atirar filha escada abaixo [vídeo]

Impala Instagram


RELACIONADOS