Polícia inglesa admite que Maddie pode nunca ser encontrada

A chefe da polícia inglesa, Cressida Dick, admitiu que o mistério que envolve o desaparecimento de Maddie McCann podre nunca ser resolvido.

Polícia inglesa admite que Maddie pode nunca ser encontrada

Polícia inglesa admite que Maddie pode nunca ser encontrada

A chefe da polícia inglesa, Cressida Dick, admitiu que o mistério que envolve o desaparecimento de Maddie McCann podre nunca ser resolvido.

A chefe da polícia inglesa, Cressida Dick, admitiu que o mistério que envolve o desaparecimento de Maddie McCann podre nunca ser resolvido. De acordo com as declarações da chefe à estação de rádio LBC, ainda há ‘linhas ativas de investigação’. No entanto, já foram gastos 13 milhões de euros. Relativamente às revelações do Daily Mirror quando ao facto de as autoridades terem estado em Portugal para falar com a PJ, Cressida Dick recusou fazer qualquer comentário.

A existência de um novo suspeito

A Polícia Metropolitana de Londres esteve em Portugal para conversar com as autoridades portuguesas sobre a existência de um novo suspeito no caso do desaparecimento de Maddie McCann. De acordo com a imprensa internacional, as autoridades birtânicas encontraram-se com a PJ depois de relatos de que um homem, conhecimento por casos de pedofilia, se tornou um dos principais suspeitos do caso da Praia da Luz.

«Os ingleses estiveram aqui recentemente, houve conversações na Polícia Judiciária do Porto», afirmou uma fonte em declarações ao Daily Mirror. «É tudo muito secreto, só a polícia sabe quem é o suspeito», sustentou a mesma pessoa.

As autoridades já gastaram cerca de 18 milhões de euros nas operações de busca de Maddie, mas sublinham que a investigação para encontrar a menina continua ativa. Maddie desapareceu na Praia da Luz a 3 de maio de 2007.

LEIA MAIS

Jessica Athayde revela: «Tomei antidepressivos durante a gravidez»

Previsão do tempo para sábado, 29 de junho

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS