PJ deteve suspeitos de fugir ao fico em “elevados montantes”

A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária anunciou a detenção de oito pessoas, uma parte das quais por associação criminosa para a prática de crimes de fraude fiscal e branqueamento.

PJ deteve suspeitos de fugir ao fico em

PJ deteve suspeitos de fugir ao fico em “elevados montantes”

A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária anunciou a detenção de oito pessoas, uma parte das quais por associação criminosa para a prática de crimes de fraude fiscal e branqueamento.

A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de oito pessoas, uma parte das quais por associação criminosa para a prática de crimes de fraude fiscal e branqueamento.

Em comunicado, a PJ refere que a investigação, realizada em articulação com a Autoridade Tributária, permitiu recolher elementos indiciários de que os suspeitos terão defraudado o Estado em “elevados montantes” com o não pagamento de impostos devidos no âmbito da respetiva atividade comercial.

Os valores em causa “ainda não totalmente apurados”

No decurso da operação, que contou também com a colaboração do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, foram ainda identificadas e detidas em flagrante delito mais cinco pessoas, duas por posse de documentação falsa, duas por entrada e permanência ilegal e uma por detenção de arma proibida.

Os detidos, com idades compreendidas entre os 29 e os 65 anos, empresários e outros sem ocupação laboral, vão ser presentes às competentes autoridades judiciárias para interrogatório e aplicação das respetivas medidas de coação.

A operação decorreu no âmbito de um inquérito titulado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal do Porto.

 

Impala Instagram


RELACIONADOS