Paramédica descobre que tem apenas meses de vida, 48 horas depois de se casar

Paramédica descobre que tem apenas meses de vida, 48 horas depois de se casar

O casal conta agora com a ajuda dos amigos e conhecidos que entretanto criaram uma angariação de fundos para os tratamentos da paramédica.

Julie Allen, paramédica de profissão, e Ian Allen conheceram-se numa ambulância. No Reino Unido, país onde habitam, são conhecidos por ajudarem vários doentes.

48 horas depois de ter dado o nó com o então namorado, Julie Allen descobriu que sofre de um cancro no pâncreas.

A notícia é avançada pelo The Mirror. Segundo o jornal, Julie começou por sentir fortes dores no estômago. Acabou por realizar um exame ultrassom que acabou por revelar o pior desfecho. A posição delicada em que o tumor se encontra torna difícil a realização de uma operação. Julie Allen já iniciou as sessões de quimioterapia.

“A primeira coisa em que pensei foi que não conseguiria celebrar o meu primeiro aniversário de casamento com o Ian”, afirma Julie à publicação. Se a operação não for mesmo realizada, a probabilidade de sobreviver é muito baixa, podendo apenas restar-lhe nove meses de vida.

Os familiares, amigos e conhecidos já iniciaram uma angariação de fundos para ajudar nos custos do tratamento de Julie.

Cancro do pâncreas em Portugal

Só em Portugal, são diagnosticados 1300 novos casos por ano. Muitos dos casos são diagnosticados tardiamente. Apenas 20% dos casos são operáveis e quando o doente descobre, percebe que terá, em média, mais quatro a seis meses de vida. O cancro do pâncreas é o cancro com a taxa de sobrevivência mais baixa.

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS