Padre algarvio investigado por abuso sexual de menor

A denúncia foi feita por um homem, agora com mais de 40 anos, durante a emissão de um programa televisivo. Padre colocou-se à disposição.

Padre algarvio investigado por abuso sexual de menor

Padre algarvio investigado por abuso sexual de menor

A denúncia foi feita por um homem, agora com mais de 40 anos, durante a emissão de um programa televisivo. Padre colocou-se à disposição.

Ministério Público abriu um inquérito para investigar uma denúncia de um alegado abuso sexual a um menor por parte de um padre. O crime terá sido cometido há mais de 30 anos por um padre da Diocese do Algarve. A denúncia foi feita por um homem, agora com mais de 40 anos, durante a emissão de um programa televisivo. Em Boliqueime, no concelho de Loulé, onde o pároco exerceu funções durante mais de 20 anos, todos estranham as acusações. “Ele andava com muitos rapazes, mas para os ajudar a sair dos maus caminhos. Ia com eles aos bailes para os tirar dessa vida”, contou ao Correio da Manhã uma moradora.

Padre colocou-se à disposição

Perante a denúncia, a Diocese esclarece que o Bispo do Algarve pediu que fosse convocada a Comissão Diocesana de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis. O caso foi comunicado ao Ministério Público, ainda que o alegado crime já tenha prescrito. A Diocese criou uma comissão de inquérito para averiguar a credibilidade da denúncia apresentada. “O sacerdote sobre o qual recaem estas suspeitas, colocou-se, de imediato, à disposição”, disse. Durante o processo serão ouvidos o alegado agressor, a suposta vítima e várias testemunhas.

LEIA AINDA
Padre de Viseu envia mensagens sexuais a menor: «Quero chupar-te»

Impala Instagram


RELACIONADOS