O mistério da ilha onde a covid-19 não se espalha e ninguém sabe porquê

A comunidade médica está verdadeiramente atordoada pela idílica ilha italiana que de alguma forma foi poupada à covid-19, sem ninguém seja capaz de explicar porquê.

O mistério da ilha onde a covid-19 não se espalha e ninguém sabe porquê

A comunidade médica está verdadeiramente atordoada pela idílica ilha italiana que de alguma forma foi poupada à covid-19, sem ninguém seja capaz de explicar porquê.

A cientista italiana Paola Muti investigou a ausência de casos na ilha Giglio, perto da Itália. O nome desta ilha pode não dizer-lhe nada, mas deve recordar no paquete de luxo Costa Concordia… Foi ali que o navio naufragou. A ilha foi preparou-se para uma rápida disseminação do novo coronavírus devido aos 800 habitantes da ilha, muitos dos quais a cientista conhece bem, mas, na verdade, não houve até ao momento qualquer caso de covid-19 registado.

LEIA DEPOIS
Covid-19: Os transportes mais seguros e mais inseguros para viajar

Itália é o 15.º país do mundo onde a covid-19 mais vidas ceifou

mapa ilha Giglio
Nenhum ilhéu de Giglio desenvolveu sintomas de covid-19, embora as condições fossem favoráveis ​​para que a doença se espalhasse como fogo

A mãe de Paola nasceu na Ilha Giglio e costuma ficar na casa da família, com uma vista encantadora para o mar através das janelas da sala. Os dias passaram e nenhum dos ilhéus de Giglio desenvolveu qualquer sintoma de covid-19, embora as condições parecessem favoráveis ​​para que a doença se espalhasse como fogo em palha seca. A Itália registou desde o início da pandemia 246.286 infeções e, com 35.112 mortes, é o 15.º país do mundo onde a doença mais ceifou vidas.

LEIA AGORA
Ginecologista alerta mulheres: «Não lavem a vagina por dentro»

Impala Instagram


RELACIONADOS