Número de mortes aumentou 20% em maio face ao ano passado

O número de mortes em Portugal aumentou em maio 19,7% face ao mesmo mês do ano passado, para 10.323, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística.

Número de mortes aumentou 20% em maio face ao ano passado

Número de mortes aumentou 20% em maio face ao ano passado

O número de mortes em Portugal aumentou em maio 19,7% face ao mesmo mês do ano passado, para 10.323, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística.

Em relação ao mês de abril, verificou-se também um aumento, com mais 161 mortes (1,6%). No período de janeiro a maio de 2022, registaram-se 53.698 óbitos, menos 6.721 do que no período homólogo de 2021 (-9,1%). “Em maio de 2022, o número de óbitos devido a covid-19 aumentou para 869 (mais 277, relativamente a abril de 2022), representando 8,4% do total de óbitos”, especificou o INE, ao divulgar as estatísticas vitais. Comparativamente a maio de 2021, registou-se um aumento de 820 óbitos devido a covid-19.

No passado mês de abril, registaram-se 6.066 nados-vivos, uma redução de 3,8% relativamente ao mesmo mês de 2021. “No entanto, o número total de nados-vivos registado nos primeiros quatro meses de 2022 (25.140) foi superior ao verificado no mesmo período de 2021 (24.694), representando mais 446 (1,8%)”, indicou a mesma fonte. Em abril, o saldo natural da população continuou a agravar-se (-4.075), relativamente ao mês homólogo de 2021, quando o valor registado foi de -2.128. “Nos primeiros quatro meses de 2022, o valor acumulado do saldo natural foi -18.145, apresentando um desagravamento acentuado relativamente ao valor observado no mesmo período de 2021 (-25.769)”, lê-se na informação publicada pelo INE.

Casamentos continuam em recuperação

As celebrações de casamentos continuam a recuperar da interrupção forçada pela pandemia de covid-19. Em abril celebraram-se 2.175 uniões, mais 793 do que no mesmo mês do ano passado. Entre janeiro e abril realizaram-se 6.402 casamentos, mais 3.585 do que no mesmo período de 2021.

Impala Instagram


RELACIONADOS