Mulher manda torturar homem por terminar noivado com a filha em Lisboa

Os três atacantes estão em prisão preventiva desde 16 de fevereiro de 2022.

Mulher manda torturar homem por terminar noivado com a filha em Lisboa

Mulher manda torturar homem por terminar noivado com a filha em Lisboa

Os três atacantes estão em prisão preventiva desde 16 de fevereiro de 2022.

Uma mulher e dois homens, de nacionalidade chinesa, foram acusados pelo Ministério Público pela prática de um crime de roubo qualificado, um crime de sequestro agravado, um crime de ofensa à integridade física grave qualificada, um crime de gravações e fotografias ilícitas e um crime de detenção de arma proibida. De acordo com a nota publicada no site da Procuradoria Geral Distrital de Lisboa, a vítima combinou um encontro com a mulher para resolver “questões relacionadas com despesas ocorridas no passado”, mas acabou por ser enganado.

A arguida levou o a vítima no seu carro para uns armazéns utilizados como local de comércio de artigos chineses, em Lisboa. “Após estacionar e quando se dirigiam para o interior dos armazéns, surgiram seis indivíduos, entre eles os outros dois arguidos, que agrediram o ofendido com extrema violência com murros e pontapés por todo o corpo”, lê-se na acusação.

Mulher está em prisão preventiva desde fevereiro

Depois, o grupo levou a vítima para outro local onde utilizaram um taser elétrico para a atacar. Ataram-lhe também os pés e as mães e desferiram vários pontapés pelo corpo. Enquanto agrediam a vítima, um dos homens tirou fotografias e filmou para enviar para outros.  Segundo a acusação, os arguidos apropriaram-se de objetos de valor da vítima, tais como o seu telemóvel e ainda 65 euros em dinheiro.

O ataque foi perpetrado por ordem e vingança da arguida, naquilo que consta ser uma vingança pelo facto de o homem ter terminado a relação com a sua filha.  Os três atacantes estão em prisão preventiva desde 16 de fevereiro de 2022.

Encontrados dois homens mortos com sinais de violência em habitação em Bragança

Os corpos de dois homens com sinais de violência foram hoje encontrados dentro de uma habitação em Donai, em Bragança, pelos bombeiros quando combatiam um incêndio na habitação (…continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS