Mulher de 41 anos identificada em Braga por maus-tratos a animais

Mulher em Braga identificada por maus-tratos a animais. A GNR de Braga informou que o cão resgatado “apresentava sinais evidentes de desnutrição, com falta de condições de higiene”.

Mulher de 41 anos identificada em Braga por maus-tratos a animais

Mulher de 41 anos identificada em Braga por maus-tratos a animais

Mulher em Braga identificada por maus-tratos a animais. A GNR de Braga informou que o cão resgatado “apresentava sinais evidentes de desnutrição, com falta de condições de higiene”.

Na sequência de uma “denúncia de maus-tratos a animais de companhia”, os militares da Guarda Nacional da República deslocaram-se ao local, tendo sido possível apurar-se que “um cão apresentava sinais evidentes de desnutrição, com falta de condições de higiene”. Após diligências policiais, os militares da GNR apuraram ainda que “o canídeo não era possuidor de chip, tendo sido identificada uma mulher de 41 anos e elaborado um auto de contraordenação por falta de identificação por método eletrónico”.

LEIA DEPOIS
Apreendidos mais de 400 quilos de pescada na Nazaré

Como comunicar situações de maus-tratos a animais

Na sequência da ação, foi contactada a veterinária municipal de Braga, tendo o cão sido “recolhido para o Centro de Recolha Oficial de Braga”. Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Braga. A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), “tem como preocupação diária a proteção ambiental e dos animais”. Para o efeito, solicita, “poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520), funcionando em permanência para a denúncia de infrações ou esclarecimento de dúvidas”.

Impala Instagram


RELACIONADOS