Albufeira. Mulher fica paralisada com picada de aranha

Andrea Fonseca, de 35 anos, ficou com uma incapacidade de 90 por cento na mão esquerda.

Albufeira. Mulher fica paralisada com picada de aranha

Albufeira. Mulher fica paralisada com picada de aranha

Andrea Fonseca, de 35 anos, ficou com uma incapacidade de 90 por cento na mão esquerda.

Andrea Fonseca, de 35 anos, foi picada por uma aranha, em janeiro, durante a noite, ficando com parte do corpo paralisado. A mulher está com uma incapacidade de 90 por cento na mão esquerda e é sujeita a sessões diárias de fisioterapia.

Segundo o Correio da Manhã, Andrea Fonseca estava a dormir quando sentiu uma dormência na zona da perna, braço e mão esquerda. No momento, a vítima avistou a aranha, mas acabou por lhe perder o rasto. No Hospital de Faro, foi-lhe dito que tinha sido injetada com um veneno neurotóxico e acabou por ficar duas semanas internada.

Não são conhecidas em Portugal espécies de aranhas que sejam perigosas para a vida humana, mas, segundo o Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Olhão, citado pelo CM, estas espécies podem chegar a território português em alimentos importados de países tropicais. É recomendado a quem seja picado que tente capturar a aranha para que esta seja analisada. Para isso, deve utilizar-se um objeto que impeça o toque direto com a aranha, para que não se sofram mazelas.

LEIA MAIS

Avó do bebé milagre: «O Salvador nunca foi passar uma noite em minha casa»

Previsão do tempo para terça-feira, 18 de junho

Impala Instagram


RELACIONADOS