Moçambique/Ataques: Novo administrador apostólico de Pemba preocupado com a crise humanitária

O novo administrador apostólico da diocese de Pemba, António Juliasse Ferreira Sandramo, apontou hoje a violência armada em Cabo Delgado como uma das suas principais preocupações.

Moçambique/Ataques: Novo administrador apostólico de Pemba preocupado com a crise humanitária

Moçambique/Ataques: Novo administrador apostólico de Pemba preocupado com a crise humanitária

O novo administrador apostólico da diocese de Pemba, António Juliasse Ferreira Sandramo, apontou hoje a violência armada em Cabo Delgado como uma das suas principais preocupações.

*** Serviço áudio disponível em www.lusa.pt ***

“É uma preocupação muito grande para todo mundo e, mesmo antes de cá vir, já era solidário”, disse António Juliasse Ferreira Sandramo, em declarações à Lusa, momentos após a sua chegada à diocese de Pemba, na província de Cabo Delgado.

António Juliasse Ferreira Sandramo vai liderar a diocese da capital provincial de Cabo Delgado até a nomeação de um novo bispo, depois de o Papa Francisco ter nomeado Luiz Fernando Lisboa, que era desde 2013 bispo da diocese de Pemba, como bispo de Cachoeiro de Itapemirim, no Brasil.

Cabo Delgado enfrenta há três anos uma crise humanitária provocada por ataques armados em distritos do norte da província, com mais de duas mil mortes e 560 mil pessoas deslocadas, sem habitação, nem alimentos, concentrando-se sobretudo na capital provincial, Pemba.

“Certamente agora vou sentir essas dificuldades na pele, diferentemente do passado em que as acompanhava a partir de Maputo”, acrescentou o novo administrador apostólico.

Por sua vez, Luiz Fernando Lisboa, que acompanhou o novo administrador apostólico no seu primeiro dia, pediu a união do povo de Cabo Delgado face aos desafios que a província enfrenta, destacando a importância das mensagens de esperança que o Papa Francisco endereçou ao povo durante a sua liderança.

“Eu vou tranquilo para a minha nova missão, mas não estou feliz por sair da África, porque é o lugar onde sempre quis estar. Mas nós, da igreja, obedecemos, em primeiro lugar a Deus e nós temos o nosso Papa, que é o nosso coordenador-geral”, declarou Luiz Fernando Lisboa.

EYAC // JH

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS