Metro do Porto somou em 2020 pelo menos cinco acidentes

A empresa Metro do Porto já contabilizou pelo menos cinco acidentes desde o início de 2020, à média de um por semana, havendo registos nos dias 02, 14, 22 e hoje, nenhum com feridos graves.

Metro do Porto somou em 2020 pelo menos cinco acidentes

Metro do Porto somou em 2020 pelo menos cinco acidentes

A empresa Metro do Porto já contabilizou pelo menos cinco acidentes desde o início de 2020, à média de um por semana, havendo registos nos dias 02, 14, 22 e hoje, nenhum com feridos graves.

A empresa Metro do Porto já contabilizou pelo menos cinco acidentes desde o início de 2020, à média de um por semana, havendo registos nos dias 02, 14, 22 e hoje, nenhum com feridos graves. O acidente de hoje na estação do Estádio do Mar, em Matosinhos, foi, na contabilidade da Lusa, o quinto verificado e o segundo por atropelamento, depois de a 22 de janeiro, em Francos, também naquele concelho, uma composição ter atingido uma pessoa que ficou com ferimentos leves.

O ano começou com um descarrilamento de uma composição na estação de Campanhã, a 02 de janeiro, que obrigou a que a circulação nas duas vias só fosse retomada às 06:00 do dia seguinte.

O dia 14 acabou por ser o mais complicado para quem circula diariamente entre Gondomar e o Porto, uma vez que nessa data registaram-se duas ocorrências.

A primeira ocorreu pelas 13:00, com a avaria de uma composição dupla na estação 24 de Agosto, no Porto, que condicionou o trânsito na linha F durante algumas horas e, mais tarde, pelas 20:08, entre as estações da Levada e Campainha, em Gondomar.

Aqui, devido a um choque entre um carro que não respeitou o sinal vermelho e uma composição, incidente que apesar aparato e dos danos em ambas as viaturas também não causou feridos.

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS