Homem desaparecido após cair com táxi na ribeira de Odivelas. Mergulhadores reforçam buscas

Uma equipa de mergulhadores reforçou hoje as buscas pelo homem desaparecido durante a madrugada, após o táxi que conduzia se ter despistado e caído na ribeira de Odivelas, indicaram as autoridades presentes no local.

Homem desaparecido após cair com táxi na ribeira de Odivelas. Mergulhadores reforçam buscas

Homem desaparecido após cair com táxi na ribeira de Odivelas. Mergulhadores reforçam buscas

Uma equipa de mergulhadores reforçou hoje as buscas pelo homem desaparecido durante a madrugada, após o táxi que conduzia se ter despistado e caído na ribeira de Odivelas, indicaram as autoridades presentes no local.

Uma equipa de mergulhadores reforçou hoje as buscas pelo homem desaparecido durante a madrugada, após o táxi que conduzia se ter despistado e caído na ribeira de Odivelas, indicaram as autoridades presentes no local. Nas operações de resgate, encontram-se 27 bombeiros, apoiados por sete veículos, e ainda elementos da PSP e da Proteção Civil de Odivelas, assim como da Junta de Freguesia da Póvoa de Santo Adrião/Olival Basto.

No local, a apoiar as buscas em curso, está também uma equipa de mergulhadores com um bote.

“Estivemos sempre em comunicação com ela [a pessoa desaparecida], mas num determinado momento deixou de nos responder”, relatou aos jornalistas o comandante dos Bombeiros Voluntários de Odivelas, Nelson Viana.

O alerta do acidente foi dado pelas 02:38, indicou fonte da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, dando conta do despiste de um táxi onde seguiam dois ocupantes. O taxista continua desaparecido, mas o outro ocupante da viatura foi resgatado por um elemento da PSP e transportado para o Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, com ferimentos ligeiros, indicou à Lusa fonte do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa ao início da manhã.

Um segundo despiste aconteceu uma hora depois, com o alerta dado pelas 03:40, sendo que o condutor do veículo também foi retirado com ferimentos ligeiros e levado para o Hospital de Loures. “Já procedemos à remoção dos veículos”, explicou Nelson Viana em declarações transmitidas pela CMTV, indicando que continuam as buscas para encontrar o homem desaparecido, agora em condições mais favoráveis pois o caudal da ribeira está mais baixo e o estado do tempo mais calmo.

O comandante dos bombeiros de Odivelas referiu ainda que a vegetação densa na ribeira, que percorre este concelho e também o município de Loures (ambos no distrito de Lisboa), dificulta as operações.

O responsável da Proteção Civil de Odivelas, Fernando Moraes, presente no local, acrescentou que a estrada onde ocorreu o acidente (rua 25 de Abril) pode ser “melhor sinalizada”, sendo que o último acidente registado semelhante aos decorridos na madrugada aconteceu em 2019.

Proteção Civil registou 200 ocorrências em todo o país devido à chuva em 16 horas
A Proteção Civil registou nas últimas 16 horas perto de 200 ocorrências, a maioria relacionada com quedas de árvores e inundações, sobretudo no distrito de Lisboa e Setúbal, disse hoje fonte do organismo (…continue a ler aqui)

 

Impala Instagram


RELACIONADOS