Médico suspeito de violação e coação sexual detido na Covilhã

Um médico de 68 anos foi detido pela alegada prática um crime de violação e quatro crimes de coação sexual, ocorridos na cidade da Covilhã, no distrito de Castelo Branco, informou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Médico suspeito de violação e coação sexual detido na Covilhã

Médico suspeito de violação e coação sexual detido na Covilhã

Um médico de 68 anos foi detido pela alegada prática um crime de violação e quatro crimes de coação sexual, ocorridos na cidade da Covilhã, no distrito de Castelo Branco, informou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Em comunicado, a PJ adianta que o médico suspeito terá alegadamente cometido “de um crime de violação e quatro de coação sexual, ocorridos ao longo dos últimos meses, em ambiente hospitalar e sobre três vítimas diferentes”. “Na sequência da denúncia de uma das vítimas, foram desenvolvidas diversas diligências de investigação, as quais permitiram identificar o suspeito da prática dos crimes em causa, bem como as circunstâncias em que os mesmos ocorreram”, aponta o Departamento de Investigação Criminal da Guarda, sem especificar a unidade onde os crimes terão ocorrido.

Médico suspeito de violação presente a juiz

Segundo a informação, o detido foi entretanto presente às competentes autoridades judiciárias, acabando submetido às medidas de coação de proibição de contactos com as vítimas e de suspensão do exercício de profissão e correspondentes funções médico hospitalares.

LEIA AGORA
Professor de Beja acusado de assediar alunas ao longo de pelo menos 10 anos
Professor de Beja acusado de assediar alunas ao longo de pelo menos 10 anos
Francisco Limpo Queiroz desmente as acusações que lhe são dirigidas pelas alunas da escola onde continua a lecionar, em Beja. Irina, uma das alegadas vítimas, espera “que alguém faça alguma coisa face a tudo isto”. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS