Mais de 100 pessoas morreram e 20 estão desaparecidas após inundações no Vietname

Pelo menos 111 pessoas morreram e outras 20 estão desaparecidas no centro do Vietname após duas semanas de inundações e deslizamentos de terra, declararam hoje as autoridades locais, enquanto o país aguarda outra tempestade neste fim de semana.

Mais de 100 pessoas morreram e 20 estão desaparecidas após inundações no Vietname

Mais de 100 pessoas morreram e 20 estão desaparecidas após inundações no Vietname

Pelo menos 111 pessoas morreram e outras 20 estão desaparecidas no centro do Vietname após duas semanas de inundações e deslizamentos de terra, declararam hoje as autoridades locais, enquanto o país aguarda outra tempestade neste fim de semana.

As autoridades de gestão de desastres vietnamitas disseram que pelo menos 111 pessoas morreram e quase 200.000 foram retiradas de suas casas.

Entre os mortos estão 22 soldados que foram surpreendidos num grande deslizamento de terra na província de Quang Tri, no domingo, assim como 13 membros de uma equipa de resgate que tentava salvar trabalhadores numa central hidroelétrica.

Uma outra equipa de salvamento ainda está a tentar localizar 15 trabalhadores desaparecidos na central.

Cerca de 178.000 casas ficaram submersas, de acordo com a Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, e as equipas de resgate estão a fazer o possível para levar alimentos e água potável para as pessoas isoladas.

As infraestruturas, como estradas, e lavouras da região central do país também foram devastadas pelas inundações, segundo a entidade, que alerta que centenas de milhares de pessoas precisarão de abrigo e apoio financeiro nas próximas semanas.

As inundações estão “entre as piores sofridas em décadas”, disse Nguyen Thi Xuan Thu, da Cruz Vermelha vietnamita.

Embora as águas tenham descido em alguns lugares, imagens dos media oficiais mostraram aldeias ainda submersas e um hospital completamente inundado em Quang Binh, com camas a flutuar.

A região deve experimentar mais chuvas no próximo fim de semana com a chegada da tempestade Saudel do mar do Sul da China.

O Vietname enfrenta frequentemente condições climáticas muito difíceis durante a estação chuvosa, entre junho e novembro, sendo as regiões da costa central as mais vulneráveis.

No ano passado, 132 pessoas morreram ou desapareceram devido a desastres naturais no Vietname, de acordo com o Departamento Geral de Estatísticas.

O vizinho Camboja também foi gravemente afetado, principalmente o noroeste do país.

O número de mortos subiu hoje para 34, com mais de 400.000 pessoas afetadas pelas inundações, disse o primeiro-ministro cambojano, Hun Sen.

A província de Banteay Meanchey (noroeste) experimentou as suas piores inundações em 70 anos, acrescentou o líder cambojano.

CSR // EL

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS