Mãe e filha bebé morrem atacadas por urso no Canadá

Mãe e filha bebé morrem atacadas por urso no Canadá

Mãe e filha, de apenas dez meses, foram atacadas quando passeavam juntos à sua cabana, no Yukon, Canadá. Marido acabou por matar o animal.

Mãe e filha, de dez meses, foram atacadas, esta segunda-feira, dia 26 de novembro, por um urso-pardo em Yukon, no Canadá, e acabaram por morrer.

LEIA MAIS: Homem processa Havai por enviar alerta falso sobre míssil que lhe causou ataque cardíaco

Valérie Théorêt, de 37 anos, e Adele Roesholt, de dez meses,estavam a passear junto à cabana, onde estavam alojadas, quando foram surpreendidas pelos animal. O marido não se encontrava com elas, no momento do ataque, porque tinha saído para caçar. No regresso a casa, deparou-se com o urso e conseguiu abatê-lo sem saber que o animal tinha matado a sua família.

«Mãe e filha devem ter saído entre as 10:00 e as 15:00 de segunda-feira. Quando Gjermund estava a regressar encontrou os corpos da esposa e da filha no exterior da casa», confirma o relatório do médico legista.

Os corpos foram encontrados pelo pai, segundo a polícia local. As autoridades estão a investigar as mortes.

Casal estava a usufruir a licença de maternidade

O casal tinha planeado passar a licença de maternidade da mulher naquela região, uma vez que tinham arrendado um terreno há três anos, a 400 quilómetros de Whitehorse, onde Valérie era professora de francês.

Em Yukon, há cerca de 7 mil ursos-pardos, mas os ataques a humanos são raros. O ultimo terá ocorrido em 2006.

Estes ursos costumam hibernar entre outubro e abril, mas foram já reportados alguns avistamentos nas últimas semanas.

LEIA MAIS: Previsão do tempo para sábado, 1 de dezembro de 2018

Texto: Redação WIN - Conteúdos Digitais

 

 

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Mãe e filha bebé morrem atacadas por urso no Canadá

Mãe e filha, de apenas dez meses, foram atacadas quando passeavam juntos à sua cabana, no Yukon, Canadá. Marido acabou por matar o animal.