1. HOME >
  2. NOTICIAS >
  3. PORTUGAL E O MUNDO

‘Mãe’ de bonecas de brincar exige lugar preferencial nos transportes

«Mãe» de três bonecas de brincar exige lugares preferenciais nos transportes públicos. «Bebés» são tão reais que levam ao engano com facilidade.

Uma ‘mãe’ de três bonecas de brincar exige lugares preferenciais nos transportes públicos. Os ‘bebés’ são tão reais que levam ao engano com facilidade. Holly Smith, de 23 anos, sofreu um aborto espontâneo e entrou em depressão. A jovem colmatou a perda do filho com bonecas, às quais trata como se fossem verdadeiras.

LEIA MAIS: O momento em que Salvador Sobral canta Amar Pelos Dois à noiva Jenna Thiam [VÍDEO]

«Sentia-me muito sozinha e triste e esta foi a minha forma de superar a dor», explicou a um jornal inglês. A jovem e o namorado, Adam Taylor, foram aconselhados a comprarem falsos bebés de grande qualidade, que só os mais atentos conseguem perceber serem falsos. Esse popular brinquedo foi feito com um detalhe impressionante, existindo versões de recém-nascido até às de seis meses.

Estes bebés «são a razão pela qual me levanto a cada manhã com um sorriso», sublinha a ‘mãe’

«Estes bonecos são a razão pela qual me levanto a cada manhã com um sorriso. Trato-os como bebés verdadeiros porque significam o mesmo para mim. Sei que é difícil perceber, mas é o que sinto e não posso contrair o que sinto», sublinhou Holly. Alguns especialistas recomendam esta terapia para pacientes com demência ou aos que tenham perdido filhos. Adam e Holly estão desempregados, mas usam parte do subsídio para comprarem roupa para os ‘bebés’ no site eBay, onde existe um grande número de produtos para falsos ‘bebés reais’.

LEIA MAIS: Mãe e padrasto assassinam bebé de 2 anos de forma brutal

«Christopher tem seis meses. Lola e Logan são gémeos recém-nascidos. Precisam de roupa e de cuidados. Acreditamos que temos direito a utilizar os lugares reservados para bebés nos autocarros. Viajamos com eles nos carrinhos e sentimo-nos como pais iguais aos outros», afirmou o casal. Esta exigência já levou a desacatos com intervenção policial. Muitos passageiros recusam-se a ceder os lugares e o casal tem protagonizado protestos. Apesar de acusados de «loucura», estão a poupar para comprarem outro ‘bebé’ ainda este ano.

LEIA MAIS: Previsão do tempo para sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

‘Mãe’ de bonecas de brincar exige lugar preferencial nos transportes

«Mãe» de três bonecas de brincar exige lugares preferenciais nos transportes públicos. «Bebés» são tão reais que levam ao engano com facilidade.