Madrasta de Valentina com pena reduzida para metade

Márcia Bernardo, a madrasta de Valentina, viu a pena de prisão ser reduzida para metade.

Madrasta de Valentina com pena reduzida para metade

Madrasta de Valentina com pena reduzida para metade

Márcia Bernardo, a madrasta de Valentina, viu a pena de prisão ser reduzida para metade.

O Tribunal da da Relação de Coimbra reduziu a pena de Márcia Bernardo, madrasta de Valentina, de 18 para nove anos, avança o Correio da Manhã. Valentina foi morta pelo pai em maio de 2020, em Atouguia da Baleia, Peniche. O tribunal de primeira instância considerou que a madrasta da criança foi cúmplice do crime e teve participação na ocultação do cadáver.

Madrasta mostrou arrependimento

Em abril deste ano, pai e madrasta da pequena Valentina foram condenados. A Sandro Bernardo foi aplicada a pena máxima permitida em Portugal – 25 anos – enquanto que Márcia foi condenada a 18 anos e 9 meses de prisão. O arrependimento mostrado e o facto de não ter sido responsável pelas agressões que levaram à morte da menina de nove anos em 2020 serviu de atenuante.

LEIA AINDA
Pai de Valentina espancado na prisão após transferência

Impala Instagram


RELACIONADOS