O «laboratório dos horrores» na Alemanha. Vídeo mostra cães, gatos e macacos a serem maltratados

As imagens foram divulgadas e mostram os animais presos pelo pescoço e de patas atadas, ou enclausurados em jaulas, e a serem sujeitos a testes.

O «laboratório dos horrores» na Alemanha. Vídeo mostra cães, gatos e macacos a serem maltratados

O «laboratório dos horrores» na Alemanha. Vídeo mostra cães, gatos e macacos a serem maltratados

As imagens foram divulgadas e mostram os animais presos pelo pescoço e de patas atadas, ou enclausurados em jaulas, e a serem sujeitos a testes.

Um ativista dos direitos dos animais infiltrou-se durante vários meses no Laboratório de Farmacologia e Toxicologia, perto de Hamburgo, Alemanha, e presenciou vários macacos, cães e gatos a serem maltratados. As imagens foram divulgadas e mostram os animais presos pelo pescoço e de patas atadas, ou enclausurados em jaulas, e a serem sujeitos a testes. Também é possível ver cães e gatos feridos e a dormir sobre o próprio sangue e fezes.

LEIA DEPOIS

Hospital diz não ter acompanhado gravidez de mãe de bebé que nasceu sem rosto

Vídeo gera polémica e ativistas agendaram uma manifestação para sábado

O teor chocante do vídeo gerou polémica entre associações e ativistas dos direitos dos animais que agendaram para sábado uma manifestação local para exigir o encerramento deste laboratório.

Kate Willet, que pertence à Humane Society International, afirmou em declarações ao The Guardian que estes testes são realizados de forma «bárbara» e que as condições a que estes animais eram expostos eram «assustadoras». «Cada país tem as suas próprias diretrizes de cuidados com os animais, mas os cães armazenados nestas condições deploráveis não correspondem aos padrões dos Estados Unidos ou do Reino Unido e têm sérias implicações na qualidade dos resultados científicos.»

Segundo o jornal britânico, desde 2015 que já foram realizadas nove inspeções a este laboratório, sete das quais sem aviso prévio. Numa dessas intervenções, o laboratório foi multado em 300 euros por ter introduzido novos cães nas instalações sem autorização. A legislação europeia proíbe que os animais, que não sejam naturalmente solitários, sejam colocados em jaulas pequenas e sem espaço de manobra. Bruxelas já tinha alertado para as falhas da lei alemã relativamente aos direitos dos animais em contexto de laboratório.

O vídeo contém imagens que podem ferir as suscetibilidades dos mais sensíveis.

LEIA MAIS

Sobe para quatro o número de mortos após desabamento de prédio em Fortaleza

Impala Instagram


RELACIONADOS