IKEA deixa de vender artigos de plástico descartável

A marca sueca entra assim em 2020 de uma forma mais sustentável e ecológica.

IKEA deixa de vender artigos de plástico descartável

IKEA deixa de vender artigos de plástico descartável

A marca sueca entra assim em 2020 de uma forma mais sustentável e ecológica.

A IKEA vai eliminar das suas lojas todos os produtos para venda de plástico descartável. De acordo com o grupo sueco, palhinhas, copos, talheres e pratos são alguns dos produtos que deixarão de estar à venda na IKEA. A marca sueca entra assim em 2020 de uma forma mais sustentável e ecológica.

LEIA DEPOIS
Meteorologia: O tempo para quarta-feira, 8 de janeiro

IKEA quer banir todo o plástico até 2030

Segundo a Marketeer, a marca vai disponibilizar opções produzidas a partir de fontes renováveis, como por exemplo palhinhas de papel. Já nos restaurantes, a cadeia anuncia que também substitui materiais de plástico por artigos mais descartáveis.

A responsável pela área de Sustentabilidade da IKEA Portugal, Ana Barbosa, explicou à publicação que este é um passo importante para ajudar os clientes e a empresa a contribuir para um mundo mais sustentável e sem desperdício. «Queremos ter um impacto positivo não só nas pessoas, mas também no nosso planeta. E, por isso, temos uma preocupação permanente com o ambiente»», assumiu. Até 2030, a IKEA pretende que todo o plástico utilizado seja feito com materiais renováveis ou reciclados.

Texto: Joana Ferreira

LEIA MAIS
Casinos medem temperatura corporal para prevenir pneumonia viral da China

 

Impala Instagram


RELACIONADOS