Homens armados matam membro de milícia e incendeiam 30 casas em Muidumbe

Três homens armados mataram na tarde de quarta-feira um membro de uma milícia e incendiaram 30 casas, no distrito de Muidumbe, província de Cabo Delgado, norte de Moçambique, disseram hoje à Lusa várias fontes locais.

Homens armados matam membro de milícia e incendeiam 30 casas em Muidumbe

Homens armados matam membro de milícia e incendeiam 30 casas em Muidumbe

Três homens armados mataram na tarde de quarta-feira um membro de uma milícia e incendiaram 30 casas, no distrito de Muidumbe, província de Cabo Delgado, norte de Moçambique, disseram hoje à Lusa várias fontes locais.

“Eram três homens, todos encapuzados, desconfiamos que sejam terroristas, porque quando entraram [na aldeia], começaram a disparar e atingiram um membro da força local, que morreu no local”, disse uma fonte, que pediu para não ser indentificada.

A vítima foi morta quando fazia uma patrulha no âmbito do combate aos grupos armados que aterrorizam distritos da província de Cabo Delgado desde outubro de 2017.

O ataque aconteceu na comunidade de Nova Família, no sul do distrito de Muidumbe, afirmaram populares.

Além de matarem o membro da força local, como é conhecida a milícia que apoia as forças governamentais na guerra contra os rebeldes em Cabo Delgado, os insurgentes queimaram 30 casas predominantemente feitas à base de capim, relatou uma outra fonte.

Um miliciano afirmou à Lusa que a segurança foi reforçada na comunidade de Nova Família, após a incursão dos homens armados.

A província moçambicana de Cabo Delgado é rica em gás natural, mas aterrorizada desde 2017, por rebeldes armados, sendo alguns ataques reclamados pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Há 748 deslocados internos, devido ao conflito, de acordo com a Organização Internacional da Migração (OIM), e 4000 mortes, segundo o projeto de registo de conflitos, ACLED.

Desde julho, uma ofensiva das tropas governamentais com apoio do Ruanda a que se juntou depois a Comunidade do Desenvolvimento da África Austral (SADC), permitiu recuperar zonas onde havia presença de rebeldes, mas a fuga destes tem provocado novos ataques, noutros distritos usados como passagem ou refúgio temporário.

RYCE // VM

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS