Homem viola as quatro filhas durante 13 anos por “tradição cultural”

Homem foi detido pela PJ e está em prisão preventiva.

Homem viola as quatro filhas durante 13 anos por “tradição cultural”

Homem viola as quatro filhas durante 13 anos por “tradição cultural”

Homem foi detido pela PJ e está em prisão preventiva.

Um homem violou as quatro filhas quando todas eram menores de idade. “Maria” e as duas irmãs tinham apenas 13, 11 e 10 anos quando o pai as violou pela primeira vez em 2007. A outra menina, a mais nova, tinha nove. Segundo o Correio da Manhã, para o homem era “normal” e uma obrigação uma vez que considerava isso uma “tradição cultural” do seu país de origem, São Tomé e Príncipe.

De acordo com a mesma publicação, uma denúncia da filha mais velha levou à detenção do homem, agora com 55 anos de idade. O homem foi detido pela PJ e está em prisão preventiva.

O homem era visto como alguém normal. Trabalhador e o sustento da casa onde vivia com a mulher e as quatro filhas. Mas dentro da habitação, no concelho da Amadora, tudo mudava. O predador violou as filhas durante 13 anos. A Polícia Judiciária diz que foram “mais de 200 crimes de violação e um crime de abuso sexual de crianças, todos na forma agravada”.

Mesmo depois de as filhas saírem de casa o pai procurava-as com frequência, alegando ser uma obrigação das filhas satisfazer os seus desejos.

 

LEIA MAIS

Meteorologia: Previsão do tempo para quinta-feira, 19 de novembro

 

Impala Instagram


RELACIONADOS