Homem detido por abuso sexual de criança refugiada ucraniana

Abuso sexual terá ocorrido num Centro de Acolhimento de Refugiados na Guarda. Suspeito tem nacionalidade estrangeira.

Homem detido por abuso sexual de criança refugiada ucraniana

Homem detido por abuso sexual de criança refugiada ucraniana

Abuso sexual terá ocorrido num Centro de Acolhimento de Refugiados na Guarda. Suspeito tem nacionalidade estrangeira.

A Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal da Guarda, “identificou e deteve um homem, estrangeiro”, de 41 anos, “fortemente indiciado pela prática de um crime abuso sexual de uma criança com seis anos“. Segundo a PJ, a criança é “refugiada da Ucrânia” e terá sido abusada em finais do mês passado “no interior de um Centro de Acolhimento de Refugiados, da cidade da Guarda, onde autor e vítima residiam àquela data”. O suspeito foi apresentado às autoridades judiciárias, para efeitos de primeiro interrogatório judicial, e “ficou sujeito à medida de coação de prisão preventiva, até que sejam encontradas condições de sujeição do mesmo à obrigação de permanência em habitação, com aplicação de pulseira eletrónica”, adianta a PJ, em comunicado.

Homem convence menor para sexo após troca de fotos íntimas

Nos Açores, a Polícia Judiciária deteve um homem, por fortes indícios da prática de crimes de abuso sexual de criança, que vitimaram uma menina, com 12 anos. O arguido e a vitima conheceram-se através das redes sociais. Inicialmente, trocaram mensagens e imagens intimas. Posteriormente, encontraram-se para terem sexo. Os factos ocorreram em Ilha do Grupo Central do Arquipélago dos Açores. O detido, de 20 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de proibição de contactar e de se aproximar da vítima.

Homem batia na mulher e violava os filhos

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Setúbal, em cumprimento de mandado de detenção emitido pelo Ministério Público, deteve um homem pela presumível prática, reiterada, de crimes de violência domésticamaus tratos e abuso sexual de crianças, ocorridos na zona de Almada. Os factos ocorreram em contexto familiar e as vítimas foram a companheira do detido, com a qual coabitava há aproximadamente três anos e os três filhos desta, dois rapazes, de quatro e 12 anos de, e uma menina de dez anos, que foi alvo de diversos abusos sexuais por parte do agressor. O detido, com 65 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de apresentações periódicas junto das autoridades e de proibição de contactos com as vítimas.

Adolescente viola e mata menina de 6 anos a mando de “homem sombrio”
Anthony Hutchens alegou às autoridades norte-americanas que “um homem sombrio” o mandou violar e matar uma menina de seis anos.(… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS