Homem desvia paciente de hospital saído de coma para o assaltar

Liam Dallimore foi filmado a retirar um paciente de cadeiras de rodas de um hospital de Manchester, no Reino Unido. Após isso, agrediu-o no parque de estacionamento do hospital.

Homem desvia paciente de hospital saído de coma para o assaltar

Homem desvia paciente de hospital saído de coma para o assaltar

Liam Dallimore foi filmado a retirar um paciente de cadeiras de rodas de um hospital de Manchester, no Reino Unido. Após isso, agrediu-o no parque de estacionamento do hospital.

Liam Dallimore, de 29 anos, foi filmado a retirar um paciente de cadeiras de rodas de um hospital de Manchester, no Reino Unido. Após isso, agrediu-o no parque de estacionamento do hospital. A vítima – George McEwan-Jones, de 67 anos – teria acordado recentemente de um coma de seis semanas, para descobrir que tinha tido uma perna amputada – depois de já há quatro anos ter tido a perna esquerda amputado por trombose. De acordo com o The Sun, o suspeito elegeu George como sua vítima com o intuito de lhe roubar o cartão multibanco.

O momento em que o homem retira o doente do hospital foi captado em imagens de videovigilância e pode ver-se como o homem consegue passar por várias pessoas sem que estas desconfiassem das suas intenções. Muitos pensavam tratar-se de um bom samaritano, que se teria disponibilizado para levar o utente à rua para apanhar ar.

Agressor levantou e gastou mais de 300 euros

Contudo, depois de agredir George, o suspeito conseguiu levantar mais de 300 euros de uma caixa multibanco, dinheiro que gastou em tabaco e num supermercado local. Liam foi detido poucas horas depois e acabou por confessar o que havia feito. Foi condenado a três anos e nove meses de prisão. Já George, mostra-se ainda bastante abalado com o que se passou, questionando como alguém foi capaz de se aproveitar da sua fraqueza para o atacar. “Como é que me ia defender? Esta pessoa não pode ter coração para fazer uma coisa tão horrível”, atirou. “Queria beber porque estava cheio de sede. Foi então que esse homem agarrou na minha cadeira de rodas e atirou-me contra a parede”, explicou.

LEIA AINDA
Japonesa matou três companheiros com cianeto

Impala Instagram


RELACIONADOS