Grupo hoteleiro norte-americano Marriot suspende operações na Rússia

Os hotéis Marriott decidiram suspender todas as suas operações na Rússia devido às sanções ocidentais impostas àquele país por causa da guerra na Ucrânia, revelou hoje o grupo hoteleiro norte-americano em comunicado.

Grupo hoteleiro norte-americano Marriot suspende operações na Rússia

Grupo hoteleiro norte-americano Marriot suspende operações na Rússia

Os hotéis Marriott decidiram suspender todas as suas operações na Rússia devido às sanções ocidentais impostas àquele país por causa da guerra na Ucrânia, revelou hoje o grupo hoteleiro norte-americano em comunicado.

A cadeia de hotéis recordou que no dia 10 de março já tinha definido o encerramento do seu escritório empresarial em Moscovo e a suspensão da abertura de novos hotéis, além de todo o futuro desenvolvimento e investimento hoteleiro na Rússia.

No entanto, com o prolongamento da invasão russa na Ucrânia a ultrapassar os 100 dias, o grupo Marriott concluiu que as sanções dos Estados Unidos da América, Reino Unido e União Europeia “tornarão impossível continuar a operar ou franquear hotéis no mercado russo”.

“Tomámos, portanto, a decisão de suspender todas as operações da Marriott International na Rússia”, pode ler-se na nota divulgada, que relembra os 25 anos de presença em território russo, reconhecendo ainda que o processo de suspensão das operações, após tantos anos de atividade neste mercado, “é complexo”.

A Rússia lançou em 24 de fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que já matou mais de quatro mil civis, segundo a ONU, que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A invasão russa foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento para a Ucrânia e o reforço de sanções económicas e políticas a Moscovo.

JGO // ZO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS