Greve na Soflusa afeta ligações entre Barreiro e Lisboa

Os mestres da Soflusa, empresa responsável pelas ligações fluviais entre Barreiro e Lisboa, vão estar em greve durante três dias, pelo cumprimento do acordo de valorização salarial.

Greve na Soflusa afeta ligações entre Barreiro e Lisboa

Greve na Soflusa afeta ligações entre Barreiro e Lisboa

Os mestres da Soflusa, empresa responsável pelas ligações fluviais entre Barreiro e Lisboa, vão estar em greve durante três dias, pelo cumprimento do acordo de valorização salarial.

Os mestres da Soflusa, empresa responsável pelas ligações fluviais entre Barreiro e Lisboa, iniciaram esta segunda-feira, 8 de julho, uma greve de três dias, por o cumprimento do acordo de valorização salarial, estabelecido a 31 de maio, não estar a evoluir.

As paralisações, que estão em vigor desde sábado por tempo indeterminado, foram convocadas pelo Sindicato dos Transportes Fluviais, Costeiros e da Marinha Mercante (STFCMM) que afirma não se estar a registar «evolução significativa» nas negociações com a Soflusa.

Subida do prémio dos mestres pode causar «desarmonia salarial»

Esta decisão de aumentar o prémio dos mestres, em cerca de 60 euros, levou a que sindicatos de outras categorias profissionais na empresa também avançassem com plenários e pré-avisos de greve, alegando que a subida causaria uma «desarmonia salarial».

Serviços mínimos devido à greve

Devido à greve de três dias agendada para o início desta semana, a Soflusa refere que foram decretados serviços mínimos pelo Tribunal Arbitral do Conselho Económico e Social. Os serviços mínimos consistem em duas carreiras em cada sentido. Entre Barreiro e Lisboa será às 00h30 e 5h05, e no sentido contrário à 1h e às 5h30.

A empresa vai reforçar a oferta na Transtejo, na ligação do Seixal, até às 24:00, vai ter transporte rodoviário entre o Terminal fluvial do Barreiro e o Terminal fluvial do Seixal, o parque de estacionamento será gratuito no terminal do Seixal e a carreira 6 dos Transportes Coletivos do Barreiro, que faz a ligação com o terminal ferroviário da Fertagus. «O título de transporte, válido na ligação fluvial do Barreiro, pode ser utilizado nas ligações fluviais de Montijo, Seixal e Cacilhas», conclui.

Está marcada para esta quinta-feira uma reunião entre a administração e o STFCMM.

LEIA MAIS
Filho de José Veiga morre aos 30 anos
Previsão do tempo para segunda-feira, 8 de julho

 

Impala Instagram


RELACIONADOS