Família morre a tirar selfie na Índia

As vítimas, que tinham 14, 20 (dois deles) e 22 anos, escorregaram e caíram à água.

Família morre a tirar selfie na Índia

Família morre a tirar selfie na Índia

As vítimas, que tinham 14, 20 (dois deles) e 22 anos, escorregaram e caíram à água.

Quatro elementos da mesma família morreram afogados ao tentar tirar uma selfie numa barragem na Índia, no passado domingo. As vítimas, que tinham 14, 20 (dois deles) e 22 anos, escorregaram e caíram à água. Um outro elemento da família sobreviveu e conseguiu salvar a irmã de 15 anos.

LEIA DEPOIS

Tira fotografia perto da linha ferroviária e é colhido por comboio

«O nível da água subiu enquanto lá estavam», explica um responsável da polícia local à CNN. A polícia confirma à mesma publicação que os corpos dos quatro familiares foram «recuperados imediatamente».

A Índia é o país onde as selfies matam mais

Um estudo publicado pelo Jornal de Medicina e Cuidados Primários da Índia revela que entre outubro de 2011 e novembro de 2017 morreram 259 pessoas em todo o mundo a tirar selfies. Deste total, 159 mortes ocorreram na Índia, que ocupa o primeiro lugar na lista de países com mais incidentes deste género. A seguir, segue-se a Rússia e o Paquistão. 72% das vítimas são homens com menos de 30 anos.

As autoridades de Nova Deli já criaram zonas NO Selfie, que interditam os locais considerados mais perigosos, para reduzir o número de mortos neste contexto.

LEIA MAIS

Turista cai a poço enquanto tira fotografia em Sintra

Impala Instagram


RELACIONADOS