Estudante condenado à morte por matar colega que recusou casar [vídeo]

Naira Ashraf foi esfaqueada até à morte por um colega de faculdade por ter recusado… casar-se. Crazed Adel não aceitou as negas e assassinou-a junto à Universidade.

Estudante condenado à morte por matar colega que recusou casar [vídeo]

Estudante condenado à morte por matar colega que recusou casar [vídeo]

Naira Ashraf foi esfaqueada até à morte por um colega de faculdade por ter recusado… casar-se. Crazed Adel não aceitou as negas e assassinou-a junto à Universidade.

Um estudante que matou uma colega de faculdade por ter recusado o pedido de casamento, foi condenado à morte, no Egito. Crazed Mohamed Adel esfaqueou fatalmente Naira Ashraf, de 21 anos, quando saia da Universidade de Mansoura e se preparava para apanhar um autocarro para casa. De acordo com o Mirror, o momento da morte – em junho passado – foi gravado por um popular que se encontrava na varanda da casa quando tudo aconteceu.

Repetidas negas levaram Crazed a acabar com a vida de Naira

A universitária ainda foi transportada para o hospital, mas acabou por não resistir à gravidade dos ferimentos. Crazed Adel confessou a autoria do homicídio e justificou-o pelo facto de Naira ter recusado várias propostas de casamento e ter exposto o assédio nas redes sociais. Disse que atacou a vítima após ter sido insultado. Após ser considerado culpado por homicídio, o Tribunal Penal de Mansoura condenou-o à morte por enforcamento.

Foto: Reprodução Facebook

Theresa Knorr, a pior mãe do mundo que torturou e matou os filhos
Theresa Knorr casou-se aos 16 anos e aos 17 já era mãe. Matou o marido após este ter ameaçado deixá-la. Além disso, torturou – das formas mais cruéis possíveis e imaginárias – e matou vários filhos. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS