Estado condenado a pagar 55 mil euros a turista britânica presa ilegalmente

Sophie Grey foi acusada de atiçar dois cães contra um agente, de o empurrar e insultar

Estado condenado a pagar 55 mil euros a turista britânica presa ilegalmente

Estado condenado a pagar 55 mil euros a turista britânica presa ilegalmente

Sophie Grey foi acusada de atiçar dois cães contra um agente, de o empurrar e insultar

O Estado português foi condenado, a 16 de outubro, a pagar 55 mil euros a uma turista britânica de 25 anos que foi ilegalmente presa por quatro meses, entre abril e agosto de 2017, avança o jornal Público.

LEIA DEPOIS

Turista cai a poço enquanto tira selfie em Sintra

Jovem estava de férias em Portugal quando foi detida

A jovem estava de férias em Portugal com o namorado e um amigo, quando teve uma discussão com militares da GNR de Colares, em Sintra. Sophie Grey foi acusada de atiçar dois cães contra um agente, e de o empurrar e insultar. Segundo a mesma publicação, o Ministério Público (MP) acusou-a de um crime de resistência e coação sobre funcionário e três de injúria agravada. Por existir um elevado «perigo de fuga», uma vez que os suspeitos eram estrangeiros, o MP pediu que a jovem ficasse em prisão preventiva.

Sophie Grey ficou detida no Estabelecimento Prisional de Tires, a 20 de abril de 2017, e só foi libertada, a mando do Tribunal da Relação de Lisboa, a 17 de agosto do mesmo ano. A jovem britânica apresentou uma ação contra o Estado Português e o tribunal deu-lhe razão.

LEIA MAIS

Bebé encontrado no lixo em Lisboa está «clinicamente bem e estável»

Impala Instagram


RELACIONADOS