Espeleólogos portugueses já saíram da gruta em Espanha: «Nós estávamos bem»

Os quatro espeleólogos portugueses retidos desde sábado numa gruta no norte de Espanha já foram encontrados, estão bem, mas muito cansados, e já saíram da gruta

Espeleólogos portugueses já saíram da gruta em Espanha: «Nós estávamos bem»

Espeleólogos portugueses já saíram da gruta em Espanha: «Nós estávamos bem»

Os quatro espeleólogos portugueses retidos desde sábado numa gruta no norte de Espanha já foram encontrados, estão bem, mas muito cansados, e já saíram da gruta

Os quatro espeleólogos portugueses retidos desde sábado numa gruta no norte de Espanha já foram encontrados, estão bem, mas muito cansados, e já saíram da gruta. «Nós estávamos bem mas não conseguíamos avisar a nossa família», disse um dos elementos à saída da gruta, em declarações à imprensa. «Tínhamos comida para o caso de ser preciso mais dias.»

LEIA DEPOIS

Equipa aguarda que nível de água baixe para resgatar espeleólogos

Portugueses «estão muito cansados»

Os especialistas «estão localizados, encontram-se bem, mas muito cansados», disse à agência Lusa Martín González Hierro, da Fundação Espeleosocorro Cántabro (ESOCAN).

Os quatro espeleólogos, que fazem parte de um grupo de sete do Clube de Montanhismo Alto Relevo de Valongo, região do Porto, ficaram retidos pela água no fim-de-semana numa das grutas de Cueto-Coventosa, no norte de Espanha.

LEIA MAIS

Bebé que nasceu sem rosto já se alimenta sem recurso a sonda

Impala Instagram


RELACIONADOS