Raí Santos encontrado enforcado ao lado dos corpos dos filhos que matou

Raptou os filhos de 3 e de 1 ano de idade e matou-os. Após dois dias desaparecido, foi encontrado enforcado ao lado dos corpos das crianças.

Raí Santos estava desaparecido com os filhos desde quinta-feira, 20 de setembro. Após dois dias, soube-se que o jovem pai de 23 anos raptou e matou os dois filhos, um de três anos e outro de apenas um, e que depois se terá enforcado. A tragédia está a chocar a cidade de Boituva, São Paulo. Raí Santos foi buscar as crianças, Gustavo e Bernardo, à creche e nunca mais foi visto.

Raí foi encontrado com a ajuda de cães enforcado ao lado dos corpos dos filhos

Sábado, porém, a Polícia Militar (PM) informou que tinham sido os encontrados, numa área rural de mata cerrada. A descoberta foi feita por bombeiros acompanhados por uma brigada de investigadores e cães farejadores. Raí estava enforcado ao lado dos corpos dos filhos. A Polícia Civil (PC) investiga ainda as circunstâncias das mortes. É conhecida já, contudo, uma «forte discussão» do presumível raptor e assassino «com a mãe das crianças, por não aceitar o fim do relacionamento».

LEIA MAIS: Criança de três anos passou dias ao lado do corpo da mãe

Raí Santos terá feito «ameaças de morte» à ex-mulher antes de se ter dirigido à creche para ir buscar os meninos, Gustavo e Bernardo. Foi depois visto numa loja de produtos agropecuários, onde «comprou corda». A última vez que foi visto, apanhava um táxi, que o levou «para uma área mais afastada da cidade». O agente da Polícia responsável pelo caso, Carlos Antunes, afirma que Raí tinha «autorização para ir buscar as crianças à escola», apesar de ter «antecedentes por tráfico de drogas» que «também consumia».

LEIA MAIS: Polícia salva vida de grávida toxicodependente e adota bebé


RELACIONADOS

Raí Santos encontrado enforcado ao lado dos corpos dos filhos que matou

Raptou os filhos de 3 e de 1 ano de idade e matou-os. Após dois dias desaparecido, foi encontrado enforcado ao lado dos corpos das crianças.