Enfermeira acusada de matar oito bebés vai a julgamento

Lucy Letby, enfermeira de 30 anos, está acusada de oito homicídios e de nove tentativas de homicídio na unidade neonatal do principal hospital de Chester, Inglaterra.

Enfermeira acusada de matar oito bebés vai a julgamento

Enfermeira acusada de matar oito bebés vai a julgamento

Lucy Letby, enfermeira de 30 anos, está acusada de oito homicídios e de nove tentativas de homicídio na unidade neonatal do principal hospital de Chester, Inglaterra.

Lucy Letby, enfermeira de 30 anos, está acusada de oito homicídios e de nove tentativas de homicídio na unidade neonatal do principal hospital de Chester, Inglaterra. Os crimes ocorreram ao longo de um ano, entre junho de 2015 e junho de 2016.

A profissional de saúde, natural de Hereford, foi detida por duas vezes (em 2018 e 2019) mas, em ambas, saiu em liberdade após pagamento de fiança. Em novembro de 2020, e após novas investigações, a mulher voltou a ser presa sob suspeita de assassinato de oito bebés e tentativa de assassinato de outros nove.

Neil Fearn, advogado de algumas das famílias das vítimas, mostrou-se satisfeito com a decisão de acusar Lucy, considerando que se trata de um avanço significativo que poderá trazer paz a todos os familiares envolvidos.

“As famílias estão emocionadas. Têm esperança de que finalmente saibam a verdade sobre o que aconteceu nos primeiros dias de vida dos filhos”, disse.

Também Robyn Smith, que representa duas das famílias, lembrou que os “clientes estão aliviados por estarmos um passo mais perto de obter as respostas que eles esperam há muito tempo“.

A investigação, liderada por Paul Hughes, da Divisão de Investigação Criminal, iniciou-se em maio de 2017 após se verificar um aumento de 10% na taxa de mortalidade de recém-nascidos naquele hospital.

Tal como dá conta o The Sun, durante o ano de 2013, morreram dois bebés. Por comparação, em 2015 – ano em que, alegadamente, foram cometidos os primeiros crimes – registaram-se oito fatalidades.

Após abertura de inquérito interno, foi descoberto que os recém-nascidos haviam desmaiado com insuficiência cardíaca e pulmonar, mas “invulgarmente” foi impossível de os ressuscitar.

LEIA AGORA
Homem acusado de atear fogo a colega de trabalho
Homem acusado de atear fogo a colega de trabalho
Tudo aconteceu na noite de 13 de setembro de 2018, num restaurante onde o homem era pasteleiro e a mulher empregada de mesa. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS