Doença do pombo faz vítimas mortais em São Paulo

Pacientes contraíram doença do pombo, altamente resistente, estiveram internados quatro meses com dores de cabeça intensas e persistentes.

Doença do pombo faz vítimas mortais em São Paulo

Doença do pombo faz vítimas mortais em São Paulo

Pacientes contraíram doença do pombo, altamente resistente, estiveram internados quatro meses com dores de cabeça intensas e persistentes.

Dois homens, 43 e de 56 anos morreram no último mês, em Santos, litoral de São Paulo, vítimas de criptococose, conhecida como doença do pombo. As autoridades informaram que os atuais protocolos de saúde não obrigam a notificação dos casos, mas que realiza ações de prevenção. O empresário José Wilson de Souza morreu em 18 de julho, enquanto a morte do cinegrafista Mauro Sérgio Gil Senhorães ocorreu cinco dias depois. Ambos estavam internados há quatro meses em hospitais diferentes. Antes disso, tinham vida ativa e eram sadios, segundo familiares a quem os médicos informaram sobre a doença.

LEIA DEPOIS
Emagrece 266 quilos e consegue voltar a andar [vídeo]

Doença do pombo: o que é e quais são as suas causas

Conhecida por doença do pombo, a criptococose é uma doença classificada como micose sistémica. É provocada por fungos do género cryptococcus e que, dependendo do caso, pode matar. O principal ‘terreno’ onde o fungo se desenvolve é a matéria orgânica morta presente no solo, em frutos secos, cereais e em árvores. O fungo causador da doença também é encontrado nas fezes de aves, principalmente na dos pombos.

Que sintomas devem deixar-nos em alerta

As manifestações clínicas dependem do estado imunológico de cada indivíduo e do subtipo do fungo em questão. O surgimento de sinais e sintomas da doença do pombo ocorre entre três semanas a três meses antes da internação hospitalar. Individualmente, os sintomas podem variar de dois dias a mais de 18 meses. Na forma sistémica, a criptococose apresenta frequentemente a meningite subaguda ou crónica, caracterizada por febre, fraqueza, dores no peito, dores de cabeça, náuseas, vómitos, alterações de visão e lesões avermelhadas com secreção amarelada no centro (semelhante a acne), entre outros.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para sexta-feira, 9 de agosto
Tráfego nos aeroportos de Lisboa e Porto condicionado

Impala Instagram


RELACIONADOS