Divórcio leva Bill Gates a ter de dividir 120 mil milhões de euros

O fim do casamento do quarto homem mais rico do Mundo envolve património de 120 mil milhões de dólares, mas o divórcio de Bill Gates envolve ainda outras partilhas multimilionárias.

Divórcio leva Bill Gates a ter de dividir 120 mil milhões de euros

O fim do casamento do quarto homem mais rico do Mundo envolve património de 120 mil milhões de dólares, mas o divórcio de Bill Gates envolve ainda outras partilhas multimilionárias.

O divórcio de Bill Gates, criador e principal acionista da Microsoft, será um dos mais caros da história. Bill e Melinda Gates estavam casados há 27 anos e a união não previu qualquer acordo pré-nupcial. O acordo é aparentemente bastante civilizado – tal como sempre se pautou o casal ao longo de uma história que parecia ir durar para sempre – e foi entregue aos tribunais juntamente com o pedido de divórcio, sendo os seus termos ainda desconhecidos. “Se dividissem a fortuna a meio, seria o maior e mais caro divórcio da história”, regista a editora da Forbes Kerry Dolan.

Divórcio de Bill Gates inclui a divisão de 120 mil milhões em dinheiro e outros ativos

O ainda casal Gates soma um “património de aproximadamente 120 mil milhões de euros”, revela a Bloomberg. Grande parte da fortuna multimilionária tem origem na Microsoft, mas o atual maior ativo dos Gates é a Cascade Investment, complexo empresarial com atuação no imobiliário, na energia e e na hospitalidade. O fim da relação será dos mais caros da História, ultrapassando em muito os valores até agora conhecidos fruto de ruturas insanáveis.

As maiores ‘despesas’ das histórias recentes que não acabaram bem

Em 1991, o magnata dos media Rupert Murdoch pagou 1,7 milhões de euros a Anna Torv, com quem esteve casado 31 anos. Em 2008, Madonna pagou 76 milhões de euros a Guy Ritchie, depois de oito anos de casamento. Em 2009, a separação entre Tiger Woods e Elin Nordegren cifrou-se em mais de 90 milhões de euros e, em 2014, o português Manuel Couto Alves foi obrigado a pagar 130 milhões e pensão mensal vitalícia a Tatyana Franchuk. Roman Abramovich, dono do clube londrino Chelsea, pagou o total de 167 milhões pelas duas vezes em que se divorciou e Jeff Bezos entregou a MacKenzie Scott, há dois anos, 31 milhões de euros. Tudo migalhas, tendo em conta os 120 mil milhões em causa no divórcio de Bill e Melinda.

LEIA AGORA
Mata companheira com lixívia para impedir mudança de testamento
Mata companheira com lixívia para impedir mudança de testamento
Júlio Araújo, de 52 anos, e a companheira, Helena Gomes, de 48, mantiveram o cadáver em casa durante cerca de 24 horas. Só depois vestiram o corpo de Maria Ferreira para o transportarem até um caminho ermo, onde o abandonaram. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS