Detidos pelo homicídio de jovem no Campo Grande confessam crime

Homens foram detidos esta segunda-feira.

Detidos pelo homicídio de jovem no Campo Grande confessam crime

Detidos pelo homicídio de jovem no Campo Grande confessam crime

Homens foram detidos esta segunda-feira.

Os homens detidos pelo homicídio do jovem de 24 anos – filho de um antigo inspetor-chefe da Polícia Judiciária – terão confessado o crime avança a TVI24.

LEIA DEPOIS
Alcochete | Rui Patrício recorda ameaças dos atacantes: «Estavam muito agressivos»

Os homens foram detidos, esta segunda-feira, três suspeitos de terem assassinado o jovem filho de um ex-inspetor da Polícia Judiciária, junto ao McDonald’s do Campo Grande, em Lisboa, refere a Sábado. Homicídio aconteceu a 28 de dezembro. Pedro Fonseca, de 24 anos, morreu esfaqueado nas imediações da Faculdade de Ciências, na zona do Campo Grande, em Lisboa. A vítima era filho de um antigo inspetor da Polícia Judiciária de Aveiro.

Jovem terá resistido a um assalto

O jovem foi assistido pelo INEM que o encontrou deitado no chão com ferimentos provocados por uma arma branca. Apesar da intervenção, os ferimentos eram bastante graves e o óbito acabou por ser declarado no local. A investigação está a ser levada a cabo pela Polícia Judiciária

Recém-licenciado em Engenharia Informática, Pedro terá tentado resistir ao assalto levado a cabo por três indivíduos em frente ao McDonald’s do Campo Grande. O rapaz foi comer ao restaurante e ao chegar ao carro foi abordado por três homens armados com facas que o ameaçaram.

LEIA MAIS
Meteorologia: O tempo para terça-feira, 7 de janeiro

Impala Instagram


RELACIONADOS