Deputada descobre que filha é assassinada em sessão de parlamento [vídeo]

A deputada estava numa sessão de parlamento, nesta quinta-feira, quando recebeu um telefonema que dava conta do assassinato da filha.

A deputada Carmen Mendel participava, nesta quinta-feira, numa sessão de parlamento na Câmara dos Deputados do México quando recebeu um telefonema.

No vídeo, é possível ver Carmen Mendel ao telefone e desesperada ao descobrir que a filha de 22 anos tinha sido assassinada.
Também se pode ouvir a deputada a gritar «mataram a minha filha».

LEIA MAIS: Homem de 28 anos esfaqueado pela namorada no Porto

A sessão foi interrompida de imediato pelo presidente da Câmara dos Deputados. Foi pedida assistência, enquanto os presentes tentavam apoiar Carmen Mendel.

Segundo a imprensa de Veracruz, um homem armado entrou num ginásio na Ciudad Mendoza. Tinha como único objetivo matar a filha de Carmen que estudava medicina na universidade de Veracruz.

O número de homicídios no México tem vindo a aumentar

Nos últimos tempos, o México tem sido alvo de muitos homicídios. O maior número das últimas décadas.

A violência causada pelas guerras entre cartéis da droga já fez de 2017 o ano com o número mais elevado de homicídios das últimas duas décadas.

O ano de 2017 detém o recorde do número de homicídios no México. De janeiro a novembro de 2017 foram perpetrados 23.101 assassinatos.

Este tipo de criminalidade começou a aumentar desde que, em 2006, o governo liderado pelo presidente Filipe Calderon decalrou guerra aos poderosos cartéis da droga no país. Desde aquele ano, as autoridades registaram a morte por homicídio de 190 mil pessoas. Em 2011, o ano em que se tinha verificado o maior número de vítimas até agora, morreram 22.409 pessoas.

LEIA MAIS:  ÚLTIMA HORA: Queda de árvore mata condutor em Ourém

Texto: Redação WIN - Conteúdos Digitais

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS